Mustaine: "Não sou o malvado que todos pensam"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gustavo Hermann, Fonte: Great Falls Tribune
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 14/09/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O líder do MEGADETH, Dave Mustaine, falou recentemente com Patrick Douglas, do Great Falls Tribune, sobre o festival Gigantour 2006, que teve início no dia 6 de Setembro em Boise, Idaho.

3265 acessosMegadeth: cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica5000 acessosMotörhead: em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura

"O Gigantour não é tanto um festival quanto é um espírito," explicou Mustaine. "É um estilo de vida e é uma maneira de capturar o significado do heavy metal. Eu estou realmente orgulhoso de estar nesse gênero de música."

"Há mais de 100 homens e mulheres lá fora todos os dias sob a minha asa," diz Mustaine sobre o staff da Gigantour.

"Como um garoto tocando guitarra aos 13 anos de idade, sentado no meu quarto, dedilhando junto com as músicas em um livro de tablaturas, eu nunca pensei que isso poderia acontecer, nem em um milhão de anos."

"Esse não é realmente um festival dark, negativo, perigoso. É totalmente metal, totalmente diversão. Não é como esses festivais que são realmente assustadores e as garotas vão parecendo com a Morticia Addams - o que na verdade eu achava sexy de certa forma."

"A principio a motivação foi apenas fazer algo antes que o interesse no Dave Mustaine acabasse e minha carreira tivesse terminada", diz ele. "Eu queria passar a tocha para a próxima geração e também queria dar algo para os fãs em troca do suporte que me deram no decorrer dos anos. É por isso que o talento é incrível."

Sobre o aprendizado com o último ano, que inaugurou a turnê:

"Como uma mulher que fica grávida, se ela se exercita, se cuida, usa vitamina E e massageia a pele, não ficará com estrias. Se ela não se importa com o que está acontecendo e apenas deixa tudo acontecer, não se exercita, etc, vai ter estrias. E essas estrias são para sempre. Nos negócios, estrias são ruins para a infraestrutura. Assim, o melhor é crescer a passos lentos e estar certo de que tudo será feito de forma adequada."

Sobre mostrar para o novo selo do Megadeth, Roadrunner Records, que ele não é o cara malvado que as pessoas fazem ele parecer:

"Eu estou realmente chocado que eles não acharam que eu estaria aberto para quaisquer sugestões", ele explica. "Eu não sou ruim, o cara malvado que todos pensam que sou... mas, se você me machucar, vou machucá-lo de volta de uma forma duas vezes pior. Eu não sou uma pessoa difícil. Sou exigente, quero o absolutamente melhor e é por isso que quero que a Gigantour seja brilhante para os fãs."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MegadethMegadeth
Cinco vezes onde a banda foi melhor que o Metallica

3030 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa501 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3499 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

Glen DroverGlen Drover
Tocar no Megadeth era algo tedioso

Kiko LoureiroKiko Loureiro
O melhor guitarrista do ano no Revolver Awards

Kiko LoureiroKiko Loureiro
Ele tem medo da "maldição do terceiro show"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"

MotörheadMotörhead
Em 1995, Lemmy comenta versão do Sepultura

MetallicaMetallica
New Music Express elege as melhores músicas do grupo

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Dani Filth antes de virar... Dani Filth

5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosInspiração: 30 canções (não somente rock) para mantê-lo motivado5000 acessosMetallica: prejudicando as finanças da Igreja Universal4020 acessosAs 101 Regras do Metaleiro Elitista5000 acessosExodus: "Rick Rubin é uma verdadeira fraude", diz Gary Holt5000 acessosRock e Metal: 7 bandas/artistas que você pronuncia o nome errado

Sobre Gustavo Hermann

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Gustavo Hermann no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online