Black Sabbath: para Geezer, a indústria hoje é irreconhecível

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/03/16. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O baixista do BLACK SABBATH, Geezer Butler, concedeu recentemente uma entrevista ao Australian Rock and Metal Institute. Um trecho, sobre mudanças na indústria da música, está disponível abaixo:

288 acessosDoom Metal: os 25 maiores álbuns do gênero5000 acessosAs regras do New Metal/Nu-metal

Australian Rock and Metal Institute: Qual é a maior diferença da indústria da música hoje em comparação a quando você começou?

Geezer: "A indústria da música hoje é irreconhecível da época quando comecei. Eu acho que é difícil atravessar a barreira do sucesso, especialmente para bandas de rock e metal. É bem difícil ganhar a vida com a música para novas bandas, especialmente com o acesso da Internet nos dias de hoje, muitas pessoas postando seus vídeos on-line, baixando músicas da Internet, faz com que seja quase impossível fazer dinheiro de discos e de shows ao vivo. A Internet tirou a surpresa dos shows. Quando começamos, se você queria nos assistir, você tinha que ir ao show, e se queria ouvir nossa música, tinha que comprar nosso disco de vinil ou fitas cassete, além disso, se você tinha sucesso, poderia receber dinheiro por seu disco através de sua gravadora. Esses dias, as gravadoras que ainda restam estão relutantes em financiar novas bandas, especialmente artistas não relacionados ao pop."

A entrevista completa, em inglês, está disponível pelo link:
http://www.armiofficial.com/#!Exclusive-Interview-With-Black...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 30 de março de 2016

Black SabbathBlack Sabbath
"Podemos fazer alguns shows pontuais", diz Iommi

288 acessosDoom Metal: os 25 maiores álbuns do gênero12 acessosEm 18/09/1970: Black Sabbath lança o álbum Paranoid0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

TwitterTwitter
Contas que todo fã de rock deveria seguir

Black SabbathBlack Sabbath
Iommi revela como decidiram o setlist da última turnê

Heavy MetalHeavy Metal
25 bandas que fizeram o gênero ser o que é

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"

New MetalNew Metal
Raiva, calças folgadas, problemas na infância...

Guns N RosesGuns N' Roses
A crítica de Portnoy ao trabalho de Matt Sorum

Ódio musicalÓdio musical
Os artistas mais detestados em lista da Spinner

5000 acessosOccult Rock: dez novas ótimas bandas para você conhecer5000 acessosGuitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?5000 acessosMetal: por que os metalheads vivem presos no passado?3278 acessosKiss: E se a banda cantasse Patati Patata?5000 acessosBeatles: queriam filmar Senhor dos Aneis, mas Kubrick disse não5000 acessosRolling Stones: a história do Rock and Roll Circus

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online