Matérias Mais Lidas

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemAs seis músicas do Metallica que Dave Mustaine ajudou a escrever

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemEdu Falaschi comenta produção "nível banda europeia" da nova turnê e agradece fãs

imagemJoão Guilherme, filho do Faustão, critica atual falta de interesse dos jovens pelo rock

imagemAs faixas do "Black Album" que James Hetfield e Lars Ulrich não curtem

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemJoão Gordo relembra proposta de fazer propaganda de calmante com Dado Dolabella

imagemPrika comenta importância de hit da Nervosa que fala sobre abuso contra mulheres

imagemRegis Tadeu expõe como Spotify e YouTube fazem falcatrua para fraudar views

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica


Dream Theater 2022

Rush: Geddy Lee escolhe os 10 melhores álbuns da banda

Por Igor Miranda
Fonte: Classic Rock / Louder
Em 01/08/19

O vocalista e baixista Geddy Lee, do Rush, escolheu os 10 álbuns mais importantes da banda, na avaliação dele, em entrevista à Classic Rock. Cada disco foi comentado pelo músico, que tentou abranger todas as fases do grupo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Veja, abaixo, os 10 álbuns escolhidos, com um trecho do comentário sobre cada um deles.

"Rush" (1974)

Geddy Lee: "Éramos nós tentando encontrar um som, pensando que queríamos ser uma banda de hard rock e emular as bandas que achávamos legais. Ouço Led Zeppelin ali, um pouco de Humble Pie. John Rutsey (baterista) era muito como Simon Kirke (Free, Bad Company), segurando a batida traseira e mandando ver."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Fly By Night" (1975):

Geddy Lee: "Tínhamos uma música feita antes de (Peart, baterista) entrar - 'Anthem'. Era mais aventureira, em um tempo estranho. Foi o que convenceu John que, talvez, não seria para ele. Por isso, foi um ponto de mudança. Não era ideia de Neil escrever as letras. Éramos sempre Alex (Lifeson, guitarrista) e eu o incentivando a tentar, porque não queríamos fazer isso, mas funcionou bem."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"2112" (1976)

Geddy Lee: "Nosso terceiro disco, 'Caress Of Steel' (1975), não se conectou às pessoas. Foi muito experimental. [...] A última coisa que esperávamos é que '2112' teria boa recepção, pois a faixa título também era longa, mas havia algo no som de '2112' que era mais definitivo e nos consolidava."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"A Farewell To Kings" (1977)

Geddy Lee: "Foi um sonho gravar na Grã-Bretanha. Muitas músicas que nos influenciaram são do blues rock e prog rock britânico. [...] Foi uma grande aventura."

"Permanent Waves" (1980)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Geddy Lee: "Estávamos no sentindo muito 'formuláticos' em 'Hemispheres' e isso nos assustou. [...] Com 'Permanent Waves', queríamos mais imediatismo na música, um nível diferente de energia. Tínhamos faixas longas, como 'Natural Science', que é uma das minhas favoritas de toda a nossa história, mas o álbum é sobre condensar nossa música e evoluir como compositores."

"Moving Pictures" (1981)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Geddy Lee: "Um disco grande para nós. Nosso nível de sucesso não era nada parecido com o de antes, mas tivemos muitos 'momentos' com esse álbum, pois foi complicado de concluir. Duas músicas vieram rapidamente: 'Limelight' e 'Red Barchetta'. 'Tom Sawyer' foi o oposto. Os solos foram complicados, assim como balancear o encerramento, mas depois de tanto sofrer, conseguimos mandar bem e ficou muito poderosa."

"Power Windows" (1985)

Geddy Lee: "Tivemos a era dos teclados nos anos 80, de 1982 a 1987. Acho que 'Power Windows' foi o melhor desse período. Adoro a qualidade do som, mas foi frustrante para Alex. E eu não sabia disso até o álbum ter sido concluído. [...] Ele não pirou, não é o estilo dele, pois é um cara de equipe. Ele só expressou frustração quando acabamos de gravar."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Roll The Bones" (1991)

"Havia boas músicas em 'Presto' (1989), como 'The Pass', mas a composição estava mais forte em 'Roll The Bones'. É um disco mais orientado pelas guitarras. Recuamos um pouco com os teclados. Ainda estão ali, mas não tanto como os anteriores."

"Vapor Trails" (2002)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Geddy Lee: "O mais difícil que já fizemos. Nunca achei que voltaríamos para gravar outro álbum. Foi difícil, muito emotivo. Tivemos que redescobrir como trabalhar juntos e considerar a situação de Neil (nota do editor: o baterista perdeu a filha em um acidente de carro e a esposa, vítima de câncer, tendo pedido uma pausa para viajar 88 mil km de moto e refletir sobre a vida). Sua confiança tinha de voltar lentamente. Tivemos que dar espaço para ele, mas, ao mesmo tempo, encorajá-lo. O processo de composição foi muito inseguro e as letras de Neil eram muito sensíveis. 'Ghost Rider' e a faixa título são muito pessoais para ele."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Clockwork Angels" (2012)

Geddy Lee: "Nunca pensamos que seria nosso último álbum. Só estávamos empolgados por fazer um disco conceitual novamente. Porém, com cuidado para não ficar prog demais. Queríamos soar modernos, diversos, cheios de melodias fortes, mas ainda bem roqueiro. A história de Neil para 'Clockwork Angels' é incrível. [...] Não queríamos, porém, que a música fosse escrava da história. Queríamos conexão entre elas, mas cada música tendo vida fora do conceito. Foi o mais difícil, mas conseguimos, pois é um de nossos melhores trabalhos."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Regis Tadeu diz que Geddy Lee é um "verdadeiro estilista das quatro cordas"

Geddy Lee e Alex Lifeson tocam clássica do Rush em evento nos EUA

Rush: Geddy Lee comenta a polêmica influência de rap de "Roll the Bones"

A canção do Rush que tira sarro de balada clássica do Kiss

Eddie Munson faz metaleiros virarem novos crushes da geração TikTok, diz site

Neil Peart sobre perfeccionismo: "Você é apenas tão bom quanto seu último show"

Regis Tadeu: Apresentando o rock as novas gerações

Rush: Geddy Lee conta como o Kiss influenciou música do "Caress of Steel"

Charlie Benante diz que duas lendas da bateria no Rock inventaram o "Air Drumming"

Alex Lifeson sobre "Freewill": "Uma das mais ambiciosas músicas do Rush"

Rush: Geddy Lee comenta as dificuldades da gravação de "Hemispheres"

Geddy Lee e a playlist que ele criou com músicas que o inspiram a tocar baixo

Mike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

Geddy Lee comenta "A Farewell to Kings", terceiro álbum progressivo do Rush

Integrantes do Queen e do Rush participarão de tributo a Taylor Hawkins

Bateria: Neil Peart derrota John Bonham em lista dos melhores de todos os tempos

Alex Lifeson, guitarrista do Rush, lista cinco de seus álbuns preferidos

Rush: A emblemática "Closer to the Heart"

Fotos de Infância: Gene Simmons, do Kiss

Marilyn Manson: ele removeu costelas para praticar autofelação?


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.