Matérias Mais Lidas

Guns N' Roses: todas as músicas na ordem da mais à menos ouvida no SpotifyGuns N' Roses
Todas as músicas na ordem da mais à menos ouvida no Spotify

Nick Mason e Brian Johnson: andando no carro que financiou turnê do Pink FloydNick Mason e Brian Johnson
Andando no carro que financiou turnê do Pink Floyd

Metallica: por que James não ouve bateria de Lars no fone de retorno dos showsMetallica
Por que James não ouve bateria de Lars no fone de retorno dos shows

Guns N' Roses: banda libera vídeo profissional de show realizado no Brasil em 2016Guns N' Roses
Banda libera vídeo profissional de show realizado no Brasil em 2016

Greta Van Fleet: título do novo álbum teve a ver com Led Zeppelin? Guitarrista comentaGreta Van Fleet
Título do novo álbum teve a ver com Led Zeppelin? Guitarrista comenta

Metallica: oito riffs absurdos escritos por Kirk HammettMetallica
Oito riffs absurdos escritos por Kirk Hammett

Nirvana: por que eles fizeram sucesso antes do Pearl Jam, segundo Stone GossardNirvana
Por que eles fizeram sucesso antes do Pearl Jam, segundo Stone Gossard

Guns N' Roses: Not In This Lifetime arrecadou valor assombroso; veja outros númerosGuns N' Roses
"Not In This Lifetime" arrecadou valor assombroso; veja outros números

Roger Waters: aos 77 anos, músico diz que sua próxima turnê pode ser a últimaRoger Waters
Aos 77 anos, músico diz que sua próxima turnê pode ser a última

Kiss: como foi demitir Eric Carr em seu leito de morteKiss
Como foi demitir Eric Carr em seu leito de morte

Bruce Dickinson: vocalista revela o seu Deus do rock e qual música o iniciou no metalBruce Dickinson
Vocalista revela o seu "Deus do rock" e qual música o iniciou no metal

Pitty: cantora publica foto nua na internet e bate recorde de curtidasPitty
Cantora publica foto nua na internet e bate recorde de curtidas

Death metal: por que o estilo está sem alma atualmente, segundo Nick BarkerDeath metal
Por que o estilo está sem alma atualmente, segundo Nick Barker

Lars Ulrich: o que ele achou do Guns N' Roses quando ouviu pela primeira vezLars Ulrich
O que ele achou do Guns N' Roses quando ouviu pela primeira vez

Metallica: a música mais ouvida (e a menos ouvida) de cada álbum deles no SpotifyMetallica
A música mais ouvida (e a menos ouvida) de cada álbum deles no Spotify


Rock Decor 2

Rafael Bittencourt: Ele nega veto a DVD de Edu Falaschi, explica caso e detona cantor

Por Igor Miranda
Fonte: Heavy Talk
Em 28/10/20

O guitarrista Rafael Bittencourt, do Angra, comentou sobre os recentes problemas que teve com o ex-vocalista da banda, Edu Falaschi, em entrevista ao canal de YouTube "Heavy Talk". As declarações foram transcritas pelo Whiplash, com sutis adaptações para o texto escrito.

Angra: Rafael Bittencourt não recusa tocar com Aquiles, mas questiona seu caráterAngra
Rafael Bittencourt não recusa tocar com Aquiles, mas questiona seu caráter

O assunto foi apontado pelo apresentador Moita, que entrevistou Edu Falaschi semanas antes. A pauta da conversa foi o novo DVD solo do vocalista, "Temple of Shadows in Concert", que traz o álbum "Temple of Shadows" (2004), do Angra, sendo tocado na íntegra com orquestra.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Dessa forma, o apresentador perguntou: "O Edu deu a entender que o DVD dele está sendo lançado no Japão porque, lá, burocraticamente, pode. Aqui, não estaria conseguindo. O pessoal começou a supor que seria por sua causa. Assim como eu o vi dando entrevista em outros canais e repetindo essa questão. Era uma questão melhor de ser resolvida nos bastidores, mas veio ao mundo e a galera começou a tomar partido. Em seu ponto de vista, o que é verdade sobre o impeditivo de lançar o DVD aqui?".

Em sua resposta, Rafael Bittencourt destinou praticamente 30 minutos, sem interrupções, para compartilhar sua visão sobre o caso e fazer uma série de críticas a Edu Falaschi. O guitarrista disse que o problema começou ainda em 2015, antes mesmo da confusão que levou o cantor a mudar o nome de sua turnê solo, de "Angra Years" para "Rebirth of Shadows".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Edu Falaschi: o que ele sentiu após notificação extrajudicial de Rafael BittencourtEdu Falaschi
O que ele sentiu após notificação extrajudicial de Rafael Bittencourt

"Quando o Edu fala que a gente não o procurou, é mentira. Anos atrás, quando começou a história, já o procurávamos. Eu conversava com ele sobre esse e outros assuntos. Acho desonesta a maneira que ele aborda, vindo sempre a público distorcendo informações ou contando uma mentira que o favorece. Acho isso bastante desleal", disse, inicialmente.

Rafael contou que, em 2015, Edu "fez uma grande besteira". "Ele fez um contrato com uma editora musical e em um anexo ao contrato, ele colocou as obras dele, com as autorias dele, só que completamente diferentes dos cadastros já feitos, ou seja, acordos existentes. Nessa lista, tem músicas que nem são dele. Tem músicas do Andre Matos, músicas até de outras bandas. Ele assinou para a editora constando, por exemplo, músicas do Iron Maiden e do Genesis", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Isso, de acordo com o guitarrista, gera duplicidade nos cadastros de direito autoral. Em função disso, todos os envolvidos estão sem receber o rendimento dessas obras. "Quando se cadastra uma obra autoral e você vai lá e faz outro cadastro, gera duplicidade. Se houver inconsistência, cadastros diferentes, nenhum autor recebe. Há mais ou menos 50 obras que os autores não estão recebendo - inclusive ele. É um contrato que precisa ser feito com atenção, com advogado, mas não sei o que foi... só pode ter sido desatenção. Eu e muitos outros autores não estamos recebendo dessas obras há 5 anos", disse.

Bittencourt descreveu o ex-colega como "ingênuo" e "descuidado" e afirmou que nunca tentou proibi-lo de cantar músicas do Angra. "Quando veio a ideia dele fazer o show do 'Angra Years', gerou celeuma dentro da banda, em um grupo de WhatsApp que eu tinha com o (empresário Paulo) Baron, o Kiko (Loureiro, guitarrista)... eu fui o único a falar: deixa o cara cantar as músicas. Quanto mais pessoas cantarem músicas do Angra, melhor", afirmou.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Havia receio de que Edu Falaschi "estourasse" e fizesse algo imprevisível com o nome do Angra, conforme relata Rafael Bittencourt. "Eles (grupo de WhatsApp) diziam: você sabe como o Edu é, ele vai lá, liga a câmera, faz vídeo falando de 'chupa p*u de gringo'. O que dá na cabeça dele, de repente, ele estoura. Eu pensei que comigo ele não iria fazer isso. Desde quando ele começou a ter problema com a voz, eu o defendo e protejo a imagem dele. Achei que não iria, nunca, depreciar minha imagem, por ser grato, por ser amigo meu. Nunca imaginei que ele pudesse trair isso", disse.

O guitarrista, então, propôs que a turnê do vocalista cantando músicas do Angra fosse promovida de forma semioficial, com apoio da banda. "Falei para o Edu para fazermos algo semioficial, usando o Facebook do Angra, endossando. Ouvi coisas do tipo: 'você quer ganhar do meu pô, vai fazer o seu e eu ganho o meu'. Eu falei que não era uma questão de dinheiro e, sim, como usar a reputação do Angra, como vamos falar do Angra. Eu já estava fazendo um disco novo, já queria fazer o disco do 'Temple of Shadows' ao vivo com orquestra, estivemos na casa do Maestro, junto do Edu. Eram ideias em pauta", declarou.

publicidade

Rafael destacou sua decepção após Edu falar sobre o caso abertamente na internet e em entrevistas. Para ele, era arriscado fazer algo do tipo, pois divide os fãs.

"Não acho o Edu do mal, mas eu o acho inseguro e paranoico. Sempre acha que está sendo perseguido. Por isso, é difícil elaborar um acordo com ele. Não é um cara que é 'exemplo'. Ele fez essa c*g*d* da Warner, que deixou um monte de gente sem receber, e eu estava quieto. Acho errado até eu vir falar sobre isso, mas são anos. E há muito mais histórias. Eu protejo a imagem do Edu. Tenho dó dele, pela fragilidade e insegurança. Se eu venho e falo tudo que ele já fez, não sei como ele reagiria", afirmou.

"Falta de profissionalismo", diz Rafael

Na sequência de seu depoimento, Rafael Bittencourt definiu a situação como "despreparo, imaturidade e falta de profissionalismo". "Desde 2017, quando veio à tona, com ele endossando isso... ele deu muitas entrevistas com essa história de ser perseguido. Acho que é c*g*r na água que todo mundo bebe. Todo mundo se vale do Angra", disse.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O guitarrista comentou que tolerou problemas causados pelo vocalista durante os últimos 7 anos dele na banda. "O Edu foi tentar uma carreira solo, passei 7 anos tolerando os problemas que ele tinha, e não era só voz, mas também comportamentais. Tolerávamos o problema um do outro. Ninguém ia na internet falar do outro. Subíamos no palco e endossávamos. Há muitas outras histórias", afirmou.

Rafael definiu a situação do DVD como "apenas a ponta do iceberg". "Estou sem receber meus direitos autorais de pelo menos 50 músicas desde 2015. E há outros assuntos mais pesados que entram até na área criminal. Não quero ficar nisso, não sou de briga. Sou de conciliar", disse.

A entrevista com Rafael Bittencourt pode ser assistida no player de vídeo a seguir. O trecho em que a situação com Edu Falaschi passa a ser comentada começa a partir do 51° minuto.


Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A notificação extrajudicial

Em junho de 2017, Edu Falaschi fez uma transmissão ao vivo no Facebook para contar que precisou mudar o nome da turnê solo "Angra Years" para "Rebirth of Shadows Tour" por "questões legais".

"Todos sabem do respeito que tenho pela história do Angra [...], mas a turnê 'Edu Falaschi Angra Years'... venho conversando com o Rafael, e ele responde pelo Angra. Existe um descontentamento pelo fato de eu voltar a fazer Angra, com a turnê chamada 'Edu Falaschi Angra Years'. Expliquei que é uma turnê solo, nem coloquei o logotipo da banda, mas está a palavra Angra para comunicar que voltei a cantar Angra. [...] Hoje, tive uma notícia oficial de que por questões judiciais, eu poderia ter os shows cancelados ou embargados", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Edu Falaschi: por questões legais turnê solo muda de nome para Rebirth of Shadows TourEdu Falaschi
Por questões legais turnê solo muda de nome para "Rebirth of Shadows Tour"

Diante da reação dos fãs, Rafael Bittencourt se manifestou nas redes sociais, em seguida, publicando um vídeo que havia sido enviado para Edu Falaschi em meio à confusão. O músico explicou suas razões e reconheceu que tudo foi uma "bobagem", pois poderiam resolver em um telefonema.

"Fiquei, sim, chateado, não de você tocar Angra, mas de não ser informado. Fui o último a saber e nunca ninguém falou comigo sobre uma autorização, sendo que toda vez que vão criar, vender ou usufruir comercialmente de um produto do Angra, com o nome, a marca, eu quero estar envolvido. Não só na parte de grana, mas de decisões. Temos a banda, que está gravando CD agora. Conciliar isso, para não atrapalhar. E o respeito, a vontade de ser comunicado", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Angra: Rafael explica situação sobre a turnê Angra Years de FalaschiAngra
Rafael explica situação sobre a turnê Angra Years de Falaschi

Edu Falaschi: Resposta em vídeo a Rafael sobre tour com clássicos do AngraEdu Falaschi
Resposta em vídeo a Rafael sobre tour com clássicos do Angra

Recentemente, em entrevista ao "Flow Podcast", Edu Falaschi comentou: "Quando começamos (a carreira solo), o meu empresário, que era o mesmo do Angra, sugeriu o nome: 'Edu Falaschi Angra Years'. Só que, aí, o Rafael Bittencourt mandou, através do advogado, uma notificação extrajudicial, tipo: 'vou te processar'. Fiquei muito triste, pois eu estava na Itália, fazendo shows, e falei: 'caraca, não acredito que estou recebendo esse e-mail de um advogado do cara que tem meu telefone'. Era só me ligar, né? E estava de boa, não tínhamos treta".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Edu Falaschi: o que ele sentiu após notificação extrajudicial de Rafael BittencourtEdu Falaschi
O que ele sentiu após notificação extrajudicial de Rafael Bittencourt

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Stamp
publicidade
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Angra: assista vídeo de Nova Era com participação da Família Lima no DVD ØMNI LiveAngra
Assista vídeo de "Nova Era" com participação da Família Lima no DVD "ØMNI Live"

Aquiles Priester: por que ele não permite fotógrafos perto da bateria em showsAquiles Priester
Por que ele não permite fotógrafos perto da bateria em shows

Edu Falaschi: DVD não foi liberado no Brasil porque pessoas vão comparar, diz AquilesEdu Falaschi
DVD não foi liberado no Brasil porque "pessoas vão comparar", diz Aquiles

Sonoridades: Papo Batera com Bruno Valverde (vídeo)Sonoridades
Papo Batera com Bruno Valverde (vídeo)

Angra: assista vídeo de Rebirth no DVD ØMNI LiveAngra
Assista vídeo de "Rebirth" no DVD "ØMNI Live"

Aquiles Priester: Se tem problema com alguém, resolve, não fica fazendo videozinhoAquiles Priester
"Se tem problema com alguém, resolve, não fica fazendo videozinho"

Angra: Luis Mariutti e Rafael Bittencourt tocam Silence and DistanceAngra
Luis Mariutti e Rafael Bittencourt tocam "Silence and Distance"

Angra: assista vídeo de Carolina IV no DVD ØMNI LiveAngra
Assista vídeo de "Carolina IV" no DVD "ØMNI Live"

Angra: banda inicia processos de composição e pré-produção de novo álbumAngra
Banda inicia processos de composição e pré-produção de novo álbum

Angra: em vídeo, entrevista exclusiva com Marcelo Barbosa no TUPFSAngra
Em vídeo, entrevista exclusiva com Marcelo Barbosa no TUPFS

Papo Metal: Rafael Bittencourt e Castellica no Episódio 20 do podcast

Guns N' Roses: Marcelo Barbosa (Angra) conta como quase entrou na banda (vídeo)Guns N' Roses
Marcelo Barbosa (Angra) conta como quase entrou na banda (vídeo)

Angra: assista vídeo de Upper Levels no DVD ØMNI LiveAngra
Assista vídeo de "Upper Levels" no DVD "ØMNI Live"

Angra: Aprenda a importância de ter cabelos sedosos no Heavy MetalAngra
Aprenda a importância de ter cabelos sedosos no Heavy Metal

Angra: assista vídeo de Spread your Fire no DVD ØMNI LiveAngra
Assista vídeo de "Spread your Fire" no DVD "ØMNI Live"


Paganini e o Heavy Metal: a onipresença do Capriccio nº 24 no Heavy MetalPaganini e o Heavy Metal
A onipresença do "Capriccio nº 24" no Heavy Metal

Músicas imortais: Carry On, uma das maiores músicas do metal nacionalMúsicas imortais
"Carry On", uma das maiores músicas do metal nacional

Kiko Loureiro: guitarrista fala sobre suas influênciasKiko Loureiro
Guitarrista fala sobre suas influências


Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.