Matérias Mais Lidas

Charlie Brown Jr: como Chorão foi corrompido após ficar rico, segundo Tadeu PatollaCharlie Brown Jr
Como Chorão foi corrompido após ficar rico, segundo Tadeu Patolla

Robert Plant: a música da carreira que ele acha mais difícil de cantar (não é do Led)Robert Plant
A música da carreira que ele acha mais difícil de cantar (não é do Led)

Helloween: a melhor música da banda na fase Andi Deris, na opinião de Michael KiskeHelloween
A melhor música da banda na fase Andi Deris, na opinião de Michael Kiske

Gary Moore: em ácido comentário, ele dizia em 1987 por que não curtia hard rockGary Moore
Em ácido comentário, ele dizia em 1987 por que não curtia hard rock

Iron Maiden: Bruce Dickinson te enganou em shows no Brasil em 2019 e você nem percebeuIron Maiden
Bruce Dickinson te enganou em shows no Brasil em 2019 e você nem percebeu

System of a Down: a música escatológica que gerou briga e quase acabou com a bandaSystem of a Down
A música escatológica que gerou briga e quase acabou com a banda

Lindemann: não era minha praia, diz Tägtgren sobre fim da bandaLindemann
"não era minha praia", diz Tägtgren sobre fim da banda

Guns N' Roses: estreando velha nova música Absurd em show nos EUA; veja vídeoGuns N' Roses
Estreando "velha nova" música "Absurd" em show nos EUA; veja vídeo

Ramones: do punk ao death metal, 25 bandas que gravaram covers do saudoso quartetoRamones
Do punk ao death metal, 25 bandas que gravaram covers do saudoso quarteto

Eddie Van Halen: por que achavam que ele não era gente boa - e por que isso é mentiraEddie Van Halen
Por que achavam que ele não era gente boa - e por que isso é mentira

Nightwish: Floor Jansen fala sobre sua saúde mental e planos de carreira soloNightwish
Floor Jansen fala sobre sua saúde mental e planos de carreira solo

Champignon: como morte de Chorão e críticas abalaram o baixista, segundo Tadeu PatollaChampignon
Como morte de Chorão e críticas abalaram o baixista, segundo Tadeu Patolla

Greta Van Fleet: baixista revela por que opta por tocar descalço nos shows da bandaGreta Van Fleet
Baixista revela por que opta por tocar descalço nos shows da banda

Offspring: baterista diz que foi demitido por recusar vacina após recomendação médicaOffspring
Baterista diz que foi demitido por recusar vacina após recomendação médica

Kiss: Anunciadas oficialmente as novas datas para os shows no BrasilKiss
Anunciadas oficialmente as novas datas para os shows no Brasil


Pentral

Robert Säll: confira entrevista com o guitarrista do Work Of Art e W.E.T.

Por Mário Pescada
Em 02/03/21

Diogo Franco (DF), colaborador do site 80 Minutos, foi atrás do guitarrista sueco Robert Säll (RS) para um bate-papo onde ele falou a respeita da sua formação como músico, a cena AOR e sobre seus trabalhos nos grupos WORK OF ART e W.E.T.

No W.E.T., Robert toca ao lado das feras Jeff Scott Soto (vocais - TALISMAN, YNGWIE MALMSTEEN, AXEL RUDI PELL, JOURNEY etc.), Erik Martensson (guitarras, teclados - ECLIPSE), Magnus Henriksson (guitarra - ECLIPSE), Robban Bäck (bateria - ECLIPSE) e Andreas Passmark (baixo - NARNIA, ROYAL HUNT). Confira!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

(DF) Para começar, conte-nos sobre seu primeiro contato com a música. Quando você decidiu se tornar um músico?

(RS) A música já existe na minha vida há mais tempo do que consigo me lembrar. Eu vi fotos de quando eu era muito jovem e sempre usava fones de ouvido conectados ao aparelho de som da família. Algumas das minhas primeiras memórias foram a coleção única do meu irmão mais velho e como eu estava tão fascinado com ela. Gostei de tudo nele, de como o disco ficou e, claro, de como soou. Eu devia ter uns 3 ou 4 anos então. Aos 13 anos sabia que ser músico era o que queria ser.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

(DF) Quais foram suas principais influências musicais?

(RS) Qualquer coisa que soasse bem! Desde o início eu estava ouvindo todos os tipos de música. Qualquer coisa de VAN HALEN a PRINCE e BILLY COBHAM ... e tudo mais. Mas minhas primeiras 3 músicas favoritas foram "Ain't Talking About Love", "I Stole Your Love" e "Eye Of The Tiger", vai entender! (risos)

(DF) Qual é a sua principal inspiração para compor?

(RS) A inspiração pode vir de muitas coisas diferentes, mas hoje em dia, geralmente é mais sobre "fazer o trabalho", em vez de sentar e esperar pela inspiração. Isso eu considero um luxo hoje em dia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

(DF) WORK OF ART lançou seu primeiro álbum em 2008. Como o grupo evoluiu para o fantástico "Exhibitions" de 2019?

(RS) No WORK OF ART sempre foi uma espécie de entra e sai, mas acho que toda vez que nos reunimos para fazer um álbum, todos nós crescemos um pouco como músicos, então, é estar longe um do outro e trabalhando em outros projetos que nos ajudou a crescer. Nós simplesmente pegamos tudo o que aprendemos com essas experiências e colocamos esse conhecimento no registro que estamos fazendo.

(DF) Qual é a principal diferença entre compor para W.E.T. e para o WORK OF ART?

(RS) O WORK OF ART é meu próprio playground musical, onde sou livre para escrever o que quiser. E eu sou o único escritor dessa banda, enquanto as coisas que escrevi para W.E.T. sempre foram resultado de um esforço colaborativo junto com Erik, então são duas situações muito diferentes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

(DF) Muitos amantes de AOR não acolhem com agrado estes encontros de músicos promovidos pela Frontiers, mas no caso de W.E.T. foi muito lucrativo. O que você diria que é positivo e negativo nesses supergrupos?

(RS) Para mim, o positivo é poder trabalhar com outros músicos que você admira e poder fazer musicalmente algo diferente do que você faz com sua própria banda. O negativo é que você não é tão livre e experimenta como pode com pessoas que não conhece muito bem, como os membros do seu grupo.

(DF) Na sua opinião, o que não pode faltar em um supergrupo?

(RS) Compromisso e uma visão clara do que você deseja alcançar com a música que você montou. Fazer isso apenas para receber um bom salário raramente funciona. E, por favor, peça a todos que deixem seus egos do lado de fora!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para conferir o restante do bate-papo com Robert Säll, acesse o site do 80 Minutos!

Confira a faixa "Big Boys Don't Cry", do CD "Retransmission" (2021)

Matéria relacionada:

W.E.T.: o maior supergrupo do Hard Rock atual

FONTE: 80 Minutos
https://80minutos.com.br/interview/96

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook


Sobre Mário Pescada

Mineiro, leitor compulsivo, ouvinte de todas as vertentes do rock - do blues ao grindcore. Valoriza mais a honestidade e entrega em cima do palco do que a técnica. Guarda os flyers dos shows que vai como se fossem relíquias.

Mais matérias de Mário Pescada.