Matérias Mais Lidas

imagemOs Raimundos traíram os Titãs? Sérgio Britto comenta e conta a versão dele

imagemRegis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

imagemAndreas Kisser opina sobre a reunião do Pantera, que começou nesse sábado

imagemO surpreendente disco que Tom Morello considera um dos melhores de todos os tempos

imagemNoel Gallagher revela o rockstar que ficou mais impressionado de conhecer pessoalmente

imagemA banda de rock que impressionou Paulo Ricardo e o fez ver grandeza do estilo em São Paulo

imagemO Metallica não tem mais o que provar, muito menos algo novo para oferecer

imagemGuitarrista Brian Ray conta como é ter Paul McCartney como patrão

imagemAngra: Luis Mariutti conta sobre atritos entre Andre Matos e Rafael Bittencourt

imagemA estratégia do Barão Vermelho para evitar críticas de copiar Titãs nos anos 1990

imagemPaul Stanley, do Kiss, fala sobre os shows da reunião do Pantera

imagemLars Ulrich poderia tocar músicas do Rush com Geddy Lee e Alex Lifeson?

imagemMetallica: o que Regis Tadeu achou de "Lux Aeterna", nova música da banda?

imagemNoel Gallagher relembra o dia em que foi ao show de uma banda cover de Oasis

imagemGene Simmons admite que "Ace estava certo" sobre o Kiss no começo dos anos 80


Stamp
Summer Breeze

The Police: Sting comenta o "sinistro" significado da letra de "Every Breath You Take"

Por André Garcia
Postado em 01 de novembro de 2022

The Police foi formado na segunda metade dos anos 70 por Stewart Copeland, Andy Summers e Sting, esse último seu baixista, vocalista e líder. Combinando elementos do punk (na época hegemônico pelos bares e clubes de Londres) com reggae e pop, criou um som inconfundível e irresistível. Além de refrões que grudam na cabeça repetidos (quase) à exaustão, tinha também letras de fácil identificação sobre vulnerabilidades emocionais — afinal de contas, quem não as tem?

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A banda, já em seu álbum de estreia, "Outlandos d'Amour" (1978), emplacou hits como "So Lonely", "Roxane" e "I Can't Stand Losing". Com o passar do tempo, fez um crescente sucesso, até seu último álbum, "Synchronicity" (1983). Esse trabalho marcou seu auge de popularidade, em muito graças ao seu maior hit: "Every Breath You Take", a vencedora do Grammy de melhor música daquele ano.

"Every Breath You Take" se trata de uma composição de estrutura tão simples que seu autor, Sting, parecia ver como um demérito. Conforme publicado pela American Song Writer, certa vez ele disse: "Aquela música tem uma estrutura de balada pop, mas sem desenvolvimento harmônico após o middle 8, sem liberação de emoção."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Por mais que seja interpretada como uma canção romântica, o baixista chamou atenção para o fato de que a maioria das pessoas a entenderam ao contrário: "Essa música é muito, muito sinistra e feia. As pessoas, na verdade, a entenderam errado como sendo uma doce canção de amor, quando, na verdade, está mais para o contrário."

Em uma entrevista mais antiga, essa de 1991 para o The Independent, ele contou como a música surgiu:

"Eu acordei no meio da noite com aquele verso na cabeça, [então] sentei no piano e a escrevi em meia hora. A música em si, é genérica, segue a linha de centenas de outras, mas a letra é interessante. Ela soa como uma confortante canção de amor, [mas] não me dei conta na época de como ela é sinistra. Acho que eu devia estar pensando em Big Brother, em vigilância e controle."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Nenhuma liberação de emoção ou alteração no ponto de vista do narrador. Ele está preso em seu círculo obsessivo. Claro, eu não tive consciência de nada disso. Para mim, eu estava só escrevendo uma música de sucesso — tanto que se tornou uma das canções que definiram os anos 80", concluiu.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Samael Hypocrisy


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A famosa música do The Police que usa trechos de canção do Led Zeppelin

O grande sucesso dos anos 80 que antecipou tecnologias atuais e enriqueceu seu autor

Bandas que duraram pouco tempo, mas ficaram marcadas para sempre - Parte II

The Police: Sting comenta o "sinistro" significado da letra de "Every Breath You Take"

Dez clipes de bandas de rock que ultrapassaram 1 bilhão de views no Youtube

Clipe de clássico do The Police ultrapassa 1 bilhão de views no Youtube

The Police: 10 discos que mudaram a vida do baterista Stewart Copeland

The Police: por que Sting se arrepende de participar da reunião em 2007

Rockstars: os piores empregos antes da fama

Lista: 50 hits do rock que agradam até mesmo quem não é fã de música pesada

Doors - Perguntas e Respostas

Iron Maiden: quanto tem de patrimônio cada um dos integrantes da banda?


Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.

Mais matérias de André Garcia.