Kiss: "está ficando constrangedor", diz Ace Frehley

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rafael Tavares, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Chris Riemenschneider do Star Tribune recentemente entrevistou o guitarrista original do KISS, Ace Frehley. Trechos a seguir:

510 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão5000 acessosAbout.com: site elege os 5 melhores álbuns do Slayer

Star Tribune: Você acha ser uma troca justa fazer carreira solo? Digo, você não tem que colocar a maquiagem, mas também não toca em grandes lugares.

Ace: "Eu nem penso na maquiagem. Eu tirei a maquiagem em 2001, e eu realmente não planejo colocá-la de volta. Quanto ao público menor, geralmente os lugares menores têm acústica melhor e você está mais perto do público, mais intimista. Muitas vezes isso é muito mais divertido. Estou acostumado a tocar em arenas com um vão cheio de seguranças entre a banda e os fãs; sempre há essa distância. Nos lugares onde toco hoje, as pessoas podem me tocar. desde que elas não fiquem tão íntimas, entende? [risos]"

Star Tribune: Já faz mais de uma década desde que você está fazendo turnês solo. Como as coisas são diferentes agora?

Ace: "Pra mim, as coisas estão claramente melhores, pois estou limpo e sóbrio. Isso dá um gás diferente em tudo. É ótimo acordar sem estar de ressaca e não se lembrar do que fez na noite anterior. A vida parece estar ficando melhor a cada momento".

Star Tribune: Foi mais difícil ficar sóbrio quando você estava em turnê com o KISS?

Ace: "Não muito. Se eu estivesse me divertindo e todo mundo fazendo as coisas certas, eu talvez tivesse ficado. Mas acabou virando a mesma bagunça que me fez sair em '82. Tudo começou a acontecer novamente. Para mim, rock 'n' roll sempre deve ser divertido. Essa é a razão pela qual eu entrei nesse meio. Quando não é mais divertido, é hora de seguir em frente".

"Eu simplesmente tive que sair pois não era mais divertido e eu queria continuar minha carreira solo, a qual eu deixei em segundo plano quando voltei ao grupo em '96. Era hora. Estava batizada de turnê de despedida, e então virou turnê de reunião. Eles ainda fazem shows na Europa. Este não era o conceito que me foi apresentado quando eu voltei ao grupo".

Star Tribune: Como você se sente com eles fazendo turnê com o [ex-roadie] Tommy Thayer em seu lugar, com a mesma maquiagem?

Ace: "Eu realmente não penso sobre isso [risos], ou eu prefiro não pensar sobre isso. Eu não tenho controle sobre isso. Os fãs não parecem muito satisfeitos, eu acho. O que o KISS está fazendo agora me lembra o que velhos lutadores faziam antigamente ao voltar da aposentadoria, quando eles deveriam ter jogado a toalha. É o que parece pra mim agora. Está ficando constrangedor".

Star Tribune: O que podemos esperar ouvir em seu próximo disco?

Ace: "Tem uns rocks bem pesados, alguns instrumentais, algumas coisas mais calmas. É o som e composições clássicas do Ace Frehley. Eu acho que todo mundo vai acabar ficando agradavelmente surpreso. Eu não acredito que fazem uns quinze anos que soltei meu último disco solo".

Leia a entrevista completa no startribune.com.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Paul StanleyPaul Stanley
"Guitarristas não aprendem a fazer base"

510 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão487 acessosAce Frehley: "Anomaly" ganha versão deluxe; ouça música inédita764 acessosKiss: bicicleta de triathlon em edição limitada0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Kiss"

KissKiss
Bobbie Brown descreve Paul como "bizarro"

Paul StanleyPaul Stanley
1º do Led Zeppelin foi um desastre e brilhante

KissKiss
Gene Simmons realiza último pedido de fã em estado terminal

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Kiss"

About.comAbout.com
Site elege os cinco melhores álbuns do Slayer

RockRock
25 fotos pra fazer você continuar acreditando na música

Guns N RosesGuns N' Roses
Segundo Gene Simmons, Axl merecia uma surra

5000 acessosA Vida Pós-bilau: vocalista do Life of Agony abre o jogo5000 acessosEm 03/02/1959: Buddy Holly, Ritchie Valens e Big Bopper morrem em acidente aéreo5000 acessosSimplicidade é para os falsos: o nome de banda mais complicado do mundo3606 acessosGames: metaleiro transforma clássicos de games em puro Metal5000 acessosCoisa de boy: Mais de 50% dos roqueiros é da classe A, diz IBOPE5000 acessosLobão: a defesa do roqueiro solitário

Sobre Rafael Tavares

Nascido em 1987, descobri o rock and roll já cedo, aos 6 anos de idade, quando ouvi "I Don't Care About You" com o Guns N' Roses em algum momento de 1993. De lá pra cá minha paixão pela música pesada e, especialmente pelo Guns N' Roses (que estará para sempre marcado em minha pele, alma e coração) cresceu exponencialmente. Sebastian Bach me fez querer virar cantor e o resto é história. Produtor fonográfico, formado em Letras e professor. Tão diversificado quanto o Rock and Roll, essa é minha vida, esse é meu clube. =D

Mais informações sobre Rafael Tavares

Mais matérias de Rafael Tavares no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online