Twisted Sister: Dee conta como Lemmy salvou sua vida

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em um trecho de sua autobiografia, ‘Shut Up And Give Me The Mic’, DEE SNIDER, o frontman do TWISTED SISTER, conta como ele achou que sua primeira visita ao Reino Unido acabaria sendo também sua última.

2 acessosEm 12/02/1956: Nasce Brian Robertson (Motorhead, Thin Lizzy)5000 acessosHair Metal: Os maiores cabelos da história do rock pesado

O Twisted Sister estava abrindo para o MOTORHEAD e o horário que eles subiriam ao palco indicava que ainda haveria muita iluminação natural – então o costumeiro truque deles de tocar meia música antes que as pessoas pudessem vê-los não iria funcionar.

Snider diz: “Tínhamos sido alertados quanto à potencial reação do público e estávamos surtando. Enquanto estávamos no camarim, Lemmy veio e ofereceu algo que não havíamos pedido, o que surpreendeu a todos. Lemmy se ofereceu para apresentar a banda.

Até hoje eu não tenho certeza de porque Lemmy nos mostrou essa gentileza. Provavelmente seja só a maneira que ele é e uma das razões pelas quais ele é tão bem quisto.”

Quando o Twisted Sister subiu ao palco, os fãs do Motorhead começaram a reagir adversamente, disparando uma bateria de mísseis – até que o herói deles surgiu em cena.

“A plateia congelou”, diz Snider. ‘Lemmy disse: eis alguns amigos meus dos EUA. Ouçam a eles.’ Não precisou de mais nada.”

O vocalista lembra que, durante sua apresentação, o conceito do que sua banda era exatamente cristalizou-se em sua mente, e ele abandonou “os últimos vestígios da afeminação. Eu me dei conta de meu monstro interior e nunca olhei pra trás.”

Depois do show deles, com os fãs do Motorhead completamente arrebatados, ficaram gritando por mais. A resposta foi tão positiva que Lemmy retornou ao camarim deles e pediu a Snider que reciprocasse o favor.

“Eu entrei no palco e a plateia pirou. Eu apresentei o Motorhead, e daí bati cabeça a cada música deles junto com os fãs. No meio do set, Lemmy se vira, aponta pra mim e diz, ‘Essa é pra ele. Se chama ‘America’.”

Snider revela que uma fonte próxima a ele disse que o líder do Motorhead havia dito: “Essa é a primeira vez que eu fico com medo de tocar depois de outra banda.”

Ele conclui: “Um dia que começou como um pesadelo tinha se tornado em um sonho incrível. Eu sempre serei grato e não sinto nada que não amor por Lemmy”.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Judas PriestJudas Priest
Lemmy significou muito para Rob Halford

2 acessosEm 12/02/1956: Nasce Brian Robertson (Motorhead, Thin Lizzy)122 acessosPhil Campbell: Lyric-video da nova faixa "Ringleader"743 acessosMotorhead: edição especial de 40 anos do primeiro disco2001 acessosFuturo Headbanger: Pai homenageia Lemmy e Mustaine em nome do Filho31 acessosEm 16/05/2000: Motorhead lança o álbum We Are Motörhead0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

MotorheadMotorhead
Memorial de Lemmy ocupará toda a Sunset Strip

Judas PriestJudas Priest
Lemmy significou muito para Rob Halford

Lemmy KilmisterLemmy Kilmister
"Estou pronto para morrer. Minha vida foi boa"

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades0 acessosTodas as matérias sobre "Twisted Sister"0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"


Hair MetalHair Metal
Os maiores cabelos da história do rock pesado

Robert PlantRobert Plant
"Quase saí do Led quando meu filho morreu!"

Mike ManginiMike Mangini
Um dos bateristas mais rápidos do mundo?

5000 acessosBruce Dickinson: sua coleção de clássicos do Metallica5000 acessosLed Zeppelin e o lendário encontro com Elvis Presley5000 acessosAxl Rose: Um dos vocalistas com maior alcance5000 acessosSlash: um resumo de suas experiências ao longo dos anos4241 acessosAlex Lifeson: "o Rock perdeu muito de sua relevância"5000 acessosRush: "Ficávamos doidões no quarto de hotel com Ace Frehley"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 15 de junho de 2012
Post de 19 de junho de 2012
Post de 23 de julho de 2012
Post de 29 de dezembro de 2015
Post de 04 de maio de 2016


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online