Alkonost: fundindo Folk e Gothic Metal com absoluta perfeição

Resenha - Oktarpamma - Alkonost

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por José Sinésio Rodrigues
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 10

Quero falar aqui a respeito de "Октаграмма", o décimo primeiro álbum da banda russa ALKONOST, lançado em 2018. Onze álbuns lançados é um número de respeito e o ALKONOST mostra que tem feito muito bom uso da experiência conseguida com tais trabalhos. Além disso, se trata de uma conquista grandiosa para uma banda que, na época do lançamento do álbum, contava com 23 anos. Evidente e inevitavelmente, a banda passou por mudanças de formação, desde seu início, mas o guitarrista Andrey Losev se mantém inabalável como o líder da banda, desde sua formação, como se fosse um Steve Harris tártaro (ah, sim, a banda é proveniente da cidade de Naberejnye Tchelny, na República do Tartaristão, na Rússia Ocidental). E, tal como o baixista britânico, Losev se mostra um proficiente compositor, presenteando-nos com criações grandiosas.

Cachês: nova lista revela quanto embolsam astros do Rock e MetalNikki Sixx: "transei com a mulher do Bruce Dickinson"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Desde sua formação, o ALKONOST adentrou cada vez mais na sonoridade resultante da perfeita mescla entre Folk Metal e Gothic Metal, criando uma atmosfera única em suas composições. Para mim, se tornou, simplesmente, a melhor de todas as bandas surgidas na Rússia; e, olhe lá, a Rússia tem se estabelecido como um dos países mais nutridos de bandas de Heavy Metal da atualidade.

O excelente álbum "Октаграмма" (ou Oktagram, se você, assim como eu, não é versado em alfabeto cirílico) inicia com uma introdução das mais instigantes, da qual exala uma atmosfera típica de floresta enevoada e obscura, na qual uma fada parece nos chamar. A coisa toda evolui para algo épico e Ksenya Pobuzhanskaya encaixa perfeitamente sua voz feérica na coisa toda, com uma vasta gama de oitavas magistralmente encaixadas no estilo que a banda pretende explorar. O casamento entre o trabalho de guitarra de Losev e as vocalizações de Pobuzhanskaya atinge um grau que é simplesmente sobrenatural. Perfeição absoluta!

Após a introdução, vem a faixa "Тропа к весне" (cuja tradução seria algo como a "Caminho da Primavera"), música excelente, excelente. O que vem depois é "Вслед молодой", que traz a melodia mais cativante que se pode imaginar, com os vocais de Ksenya se encaixando com absoluta perfeição. "Папоротник" nos traz um refrão cativante em meio a um instrumental maravilhoso, algo a desafiar descrição.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como não tenho muito espaço, aqui, não vou descrever todas as faixas. Mas, para resumir as coisas: "Октаграмма" nos apresenta uma variedade de músicas cativantes, envolventes, todas elas, da mais lenta à mais rápida. Neste trabalho, você pode ouvir qualquer música e a melodia ficará gravada em sua mente por muito tempo. Faça um favor a si mesmo: ouça este álbum imediatamente!

"Октаграмма" é, definitivamente um álbum grandioso, perfeito, que eu recomendo. É uma obra de arte que você precisa conhecer. Ah, antes que eu me esqueça: Alkonost (Алконост, em alfabeto cirílico) é o nome da deusa da terra dos mortos, na mitologia eslava. É retratada como sendo uma entidade cujo corpo funde partes de uma mulher e de um pássaro.

Faixas no álbum "Октаграмма": 9

Integrantes atuais da banda ALKONOST:
. Andrey Losev - Guitarra e teclados;
. Ksenya Pobuzhanskaya - Vocal;
. Rustem Shagitov - Guitarra.

Bandas Similares:
. ARKONA, da Rússia;
. NATURAL SPIRIT, da Ucrânia;
. CRUACHAN, da Irlanda
. LÈPOKA, da Espanha.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Alkonost"


Cachês: nova lista revela quanto embolsam astros do Rock e MetalCachês
Nova lista revela quanto embolsam astros do Rock e Metal

Nikki Sixx: transei com a mulher do Bruce DickinsonNikki Sixx
"transei com a mulher do Bruce Dickinson"


Sobre José Sinésio Rodrigues

José Sinésio Rodrigues mora em Londrina, no Paraná. É professor de Ciências, agente penitenciário, aluno de Geografia e coordenador de Astronáutica de um grupo de Astronomia londrinense. É também palestrante, escritor, quadrinista, contista, ex-radialista e ex-colunista de jornal. Seu contato com o Rock aconteceu com o Faith No More e Pearl Jam, no início da década de 1990. Suas bandas favoritas são: My Dying Bride, Monster Magnet, Dominus Praelii, Acrassicauda, Slayer, Fejd, Arkona e Anabioz.

Mais matérias de José Sinésio Rodrigues no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280