Sun Diamond: o primeiro álbum da banda recifense

Resenha - Sun Diamond - Sun Diamond

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renan Soares
Enviar Correções  

8

A banda recifense Sun Diamond liberou no último dia 08 de dezembro o seu primeiro álbum completo em estúdio, nesse trabalho, o grupo de hard rock apresenta nove faixas, sendo elas sete inéditas e duas regravações de demos anteriormente lançadas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O trabalho (que leva o nome da banda) está disponível para audição nas plataformas digitais Deezer, Spotify, Google Play e iTunes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No disco, a banda formada por Aílton Neto (vocal), Miguel Guerra (baixo), Lucas Alves (bateria), e a dupla Eduardo Teixeira e Leo Campanha (guitarras), mostram claras influências de grupos como o AC/DC e Guns n Roses, detalhe evidenciado principalmente na canção "Let Me Drunk (and R.I.P)".

No geral, o disco atende as expectativas, a banda apresenta um som bom, pesado e técnico, o instrumental não deixa nada a dever e o ritmo das músicas consegue cativar o ouvinte e o instiga a "bangear" junto aos riffs mais pesados.

Em meio a músicas com mais peso, também temos a "To Call Home", que soa mais como uma balada, mostrando um pouco mais de versatilidade por parte da banda, mostrada também na faixa "My Bunker", a mais longa do álbum (7 minutos), música que passa um pouco pelos extremos do peso e da "calmaria".

Interessante também ressaltar a faixa "Blackstar", que é a única completamente instrumental, onde os músicos puderam mostrar toda a sua competência técnica. Mais interessante ainda é como o nome da música foi escolhido, segundo os próprios integrantes, a faixa foi batizada dessa forma em "homenagem" a um amplificador que eles utilizam (a história disso pode ficar para outra ocasião).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Os destaques do álbum ficam por parte das canções "Let Me Drunk (and R.I.P)", "Detached", a instrumental "Blackstar", e principalmente, a "Go To The Yard", que para mim é a melhor do trabalho.

A única coisa que me desagradou foi os agudos do Aílton, notados em músicas como "Frozen Bones" (o single lançado antes do álbum), no final de "She Took The High Road" e em partes de "My Bunker". Na minha opinião, seria mais válido o vocalista investir mais em sua voz normal, porque os agudos ficaram soando como se ele tentasse alcançar timbres os quais ainda não consegue, tanto que por isso, o single "Frozen Bones" é a faixa que menos curto no disco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas, tirando esse detalhe, Aílton Neto é um ótimo vocalista e músico, e que tem um grande futuro em sua carreira, e claramente, ele tem muito amor por aquilo que faz, um diferencial muito importante na cena underground de hoje em dia.

No mais, apesar desses mínimos detalhes, a Sun Diamond mostra em seu disco de estreia que é mais uma banda que pode chegar longe no cenário underground recifense.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

TRACKLIST:

1. Frozen Bones
2. Detached
3. Let Me Drunk (and R.I.P)
4. Go To The Yard
5. She Took the High Road
6. To Call Home
7. Money Wars
8. Blackstar
9. My Bunker




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Sexo: os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal HammerSexo
Os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal Hammer

Anthrax: Scott Ian apresenta a solução para o Phil AnselmoAnthrax
Scott Ian apresenta a solução para o Phil Anselmo


Sobre Renan Soares

Nascido em Recife no dia 03 de novembro de 1994, Renan adentrou ao mundo do rock/metal a partir dos 13 anos de idade e até hoje permanece fielmente no mesmo. Desde que se formou em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, tem se dedicado a conseguir dar a relevância merecida ao nome do estilo.

Mais matérias de Renan Soares no Whiplash.Net.

CliHo Goo336 GooInArt Cli336 Goo336 Goo336