Matérias Mais Lidas

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemMax Cavalera revela como "selou a paz" com Tom Araya, vocalista do Slayer

imagem"Stranger Things" traz cena com "Master of Puppets", do Metallica

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemLobão explica porquê todo sertanejo gostaria, no fundo, de ser roqueiro

imagemO álbum do The Who que Roger Daltrey achou "uma m*rda completa

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemPink Floyd: Gilmour nega alegação de Waters sobre "A Momentary Lapse of Reason"

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemO grave problema do refrão de "Eagle Fly Free", segundo Fabio Lione

imagemDavid Bowie recusou (mais de um) convite para produzir o Red Hot Chili Peppers

imagemAndreas Kisser explica por que o Sepultura mistura Metal com música brasileira

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"


Airbourne 2022

Metallica: Load, opinião de uma pessoa que gosta do disco

Resenha - Load - Metallica

Por Mateus Ribeiro
Em 06/10/17

Qualquer ser humano que tenha passado as últimas três décadas acordado, sabe da existência do Metallica. Uma das maiores bandas a passar por esse cacete mastodôntico batizado de Planeta Terra, foi a mais popular das bandas do maior gênero musical já criado pelo homem, o amado e insuperável Thrash Metal. Porém, a banda mudou muito, e já faz quase 30 anos que não faz mais Thrash. O que não quer dizer que não tenha feito coisas boas pós 1988.E o que não significa que eu goste do último disco da banda.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Após o lançamento do maravilhoso (e mal produzido) "…And Justice For All", os quatro (não tão) jovens começaram a dividir a opinião da galera do Metal. Uns torciam o nariz, outros gostavam, e o jogo seguia. Já no disco seguinte, "Black Album" (mais manjado do que carne de panela), muita gente abandonou o rolê, virou as costas mesmo. Só que pra cada uma pessoa que queimava camiseta, cinco compravam o disco. Naquele momento, o Metallica se tornou a maior potência da música pesada.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Abusando da paciência de muita gente, em 1996, os caras resolvem apresentar ao mundo o novo lançamento. "Load" foi um choque gigante para os fãs antigos. Afinal, o então novo disco passava bem longe do que a banda fazia em seus primórdios. Os caras realmente pisaram no freio, já não existia mais aquela velocidade, as letras já não eram carregadas daquela revolta juvenil de outrora. Bom, as pessoas mudam, e com eles, não foi diferente.

Acontece que muita gente não gostou muito das mudanças. Na verdade, meio mundo odiou. Principalmente a mudança no visual.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Como eu não me importo com o visual dos outros (uma vez que não ligo nem para o meu), vou me concentrar apenas no lado musical.

"Load" é um caso raro de disco que ouvi logo de cara e gostei.
Já estava familiarizado com todos os lançamentos anteriores da banda, e lá para 1999, 2000, não me recordo, fui ouvir Load. A capa já agradou. Simples e sem muita firulas. É claro que assim que ouvi os primeiros acordes, tomei um susto. Aquilo era diferente de qualquer outra coisa da banda eu já tinha ouvido. Mas era bom. E me agradou. Muito.

Músicas como "Ain´t my Bitch", "Until It Sleeps", "Bleding Me", "Hero of The Day", "The Outlaw Torn" (que é uma das minhas preferidas do METALLICA), a odiada "Mama Said", e tantas outras músicas do disco ainda fazem parte de qualquer playlist que eu crie. Seja playlist para correr, para beber, para ouvir com os amigos, ou com os inimigos. Tudo desse disco me agrada demais até hoje.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Claro que Load não é um Master. Ainda bem, afinal, imagina só se toda banda inventasse de se repetir a cada disco? Nem o RAMONES (minha banda preferida) conseguiu fazer isso, e teve que mudar em alguns discos.

A grande verdade é que "Load" me ajudou muito em um aspecto: não me prender a rótulos. Hoje em dia, sou bem menos radical. "Load" foi um dos primeiros discos que me ajudou a separar a música em apenas dois estilos: as que me agradam e as que me desagradam. Simples assim, sem me importar se é black metal, hard rock, punk ou hardcore. Se eu gosto, eu ouço. Se não gosto, não ouço. E paciência.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Tá certo que depois do "ReLoad", a banda começou a borrar a viola, e acumular algumas derrapadas. Mas estamos falando do METALLICA, os caras podem escrever o que der na telha.

Agora, com licença, pois vou ouvir esse disco, já que hoje me bateu uma puta vontade.Se tiver paciência, aproveite e faça o mesmo. Quem sabe, se você nunca tiver ouvido o disco e o achar horrível por causa das opiniões alheias, não passa a admirar o disco mais polêmico dos quatro cavaleiros.


Outras resenhas de Load - Metallica

Resenha - Load - Metallica

Resenha - Load - Metallica

imagemResenha - Load - Metallica

Resenha - Load - Metallica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Satan: Brian Ross diz que o Metallica fez um ótimo trabalho ao defender Metal britânico


USA Today: as 20 maiores bandas de todos os tempos nos EUA



Sobre Mateus Ribeiro

Fã de Ramones, In Flames e Soilwork. Ouve (quase) tudo, desde rock clássico até black metal.

Mais matérias de Mateus Ribeiro.