Matérias Mais Lidas

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemNovo clipe do Megadeth foi filmado no litoral de São Paulo, veja fotos

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemCinco nomes do heavy metal que já gravaram músicas do ABBA

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemCuecão de couro: Rob Halford posa com suas "great balls of fire" em camarim

imagemMustaine diz que novo álbum tem uma das músicas mais rápidas que o Megadeth escreveu

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth


Melanie Klain: Muita originalidade com seu "Metal de Protesto"

Resenha - Análise Do Caos - Melanie Klain

Por Bruno Rocha
Em 17/03/17

Nota: 9

Melanie Klein foi uma proeminente psicanalista que criou uma nova teoria em Psicanálise, um pouco distinta da de Sigmund Freud. Seu principal objeto de estudo foi a forma como uma criança recebe as informações vindas do mundo exterior e as 'colore' com seus sentimentos em seu 'mundo interior'. De alguma forma isto refletirá na personalidade da então criança em seu futuro como adulto. O nome dela serviu de inspiração para o batismo da banda MELANIE KLAIN (troca-se somente o 'e' pelo 'a' em Klein), uma nova banda surgida em Mococa, Sâo Paulo, que possui em suas músicas uma impecável mistura de influências e de muita identidade, sendo difícil enquadrá-los em algum gênero específico.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Denominando seu estilo de 'Metal de Protesto', o objetivo do MELANIE KLAIN é explorar em suas letras bem construídas o fato de que o brasileiro é o próprio culpado das mazelas pelas quais somos vítimas, tendo em vista que a classe política é reflexo de toda a população. Duzinho (vocais), com toda propriedade e com muito talento como letrista, escancara tais verdades. Musicalmente falando, a banda transpira influências de SYSTEM OF A DOWN, METALLICA, MACHINE HEAD e até algo de DREAM THEATER, dentre outras coisas mais que seu ouvido pode pescar ao ouvir a banda. Mais que isso, o grupo transparece muita identidade. Suas músicas são fáceis de serem identificadas, e cada uma muda de direção muito rápido e ao mesmo tempo de forma natural. Cuidado: é preciso muita atenção para não se perder em meio a avalanche de arranjos, onde tudo é meticulosamente muito bem emendado. A banda passeia bem pelo Metal, Hardcore, New Metal e também pelo o que der na telha deles, pois as músicas exalam muita ousadia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Analisando o álbum como um todo, ele parece um tanto homogêneo. Mas, ao se dar um zoom em cada faixa, nota-se as peculiaridades de cada uma. Destaco as músicas 'Abençoados Por Deus', que abre os trabalhos de forma pesada e concisa, 'Guerra', com forte presença de vocais limpos, 'Lavagem Cerebral', um Heavy Metal agressivo, e 'Rede Social', a mais curta e direta, com uma performance soberba da baixista Vic Escudero.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma coisa em comum a todas as faixas também são as repentinas mudanças de andamento. Instantaneamente saímos de um Heavy Metal agressivo para um dedilhado limpo, sem bateria. Talvez haja um excesso de partes dialogadas. Muito disso se deve à necessidade da banda de expressar suas ideias pelas letras.

Se você procura por um Rock/Metal diferente, com identidade, pesado, variado e que sabe se manifestar pelas letras com conhecimento de causa, vale a pena correr atrás do MELANIE KLAIN.

Análise Do Caos - Melanie KLAIN (independente, 2016)

Tracklist
01. Desrespeitável Público
02. Abençoados por Deus
03. Diálogo
04. Fé Cega
05. Guerra
06. Marcas do Abandono
07. Lavagem Cerebral
08. Cartas de um Suicida
09. Cólera/Nação
10. Rede Social
11. Análise do Caos
12. Reflexão

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Line-up
Duzinho - vocal
Violla - guitarra
Chapolim - guitarra/vocal
Vic Escudero - baixo
Pedro Bertti - bateria


Outras resenhas de Análise Do Caos - Melanie Klain

Resenha - Análise do Caos - Melanie Klain

Resenha - Análise do Caos - Melanie Klain

Resenha - Análise do Caos - Melanie Klain

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Bruno Rocha

Cearense de Caucaia, professor e estudante de Matemática, torcedor do Ferroviário e cafélotra. Entrou pelas veredas do Heavy Metal na adolescência e hoje é um aficionado e pesquisador de todos os gêneros mais tradicionais desta arte e de suas épocas. Tem como forte o Doom Metal, não obstante o sol de sua terra-natal.

Mais matérias de Bruno Rocha.