Vomitile: Cipriotas se inspirando em sonoridade americana

Resenha - Mastering the Art of Killing - Vomitile

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


"Mastering the Art of Killing" é o segundo disco dos cipriotas do Vomitile e o primeiro pela gravadora conterrânea Pitch Black Records. E o que temos em mãos é um Death Metal de qualidade, inspirado em ícones como Monstrosity, Suffocation e o que mais há de bom no estilo.

Com alternância de ritmos e quebradas insanas, o Vomitile aposta no peso e na extremidade, sendo que na maior parte possui um dinamismo característico do Brutal Death Metal com uma bateria veloz e com ‘blast beats’ de tirar o fôlego, no estilo ‘metranca’ de ser.

publicidade

As guitarras são bem influenciadas por Cannibal Corpse, mostrando riffs técnicos e solos melódicos, mas esporádicos. Assim como os vocais de Khatch Yildizian (também baixista), que possui um timbre semelhante a George ‘Corpsegrinder’ Fisher, sendo inteligível e monocórdio na maior parte.

A qualidade da produção colabora muito com o disco, com uma boa timbragem soando fiel ao gênero proposto. As faixas soam de forma homogênea com destaques para a ótima Born To Kill e Nekropound. O bom do Death Metal é que o estilo não permite muitas inovações, mas quem o sabe fazer, o faz com maestria.

http://www.vomitile.com/
https://www.facebook.com/vomitile

publicidade

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Avenged Sevenfold: The Rev dizia que não passaria dos 30Avenged Sevenfold
The Rev dizia que não passaria dos 30

Corey Taylor: não comprem a playboy da Lindsay LohanCorey Taylor
"não comprem a playboy da Lindsay Lohan"


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin