Flesh Grinder/Lividity: Brasil e EUA unindo forças e brutalidade

Resenha - Two Repulsive Eyes - Flesh Grinder/Lividity

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Split álbum já bem conhecido do público Gore/Grind, "Two Repulsive Eyes" une dois dos maiores representantes da podridão mundial. Os catarinenses do Flesh Grinder, maior banda de Splatter/Grind do Brasil, e os norte-americanos do Lividity e todo seu 'podreroso' Death/Gore/Grind.

Humor: Não basta um machado na mão para ser Black MetalMötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

Todas as faixas (20 no total) são ao vivo e quem dá o pontapé inicial na bolachinha são os brasileiros. E que qualidade a banda demonstra ao vivo, principalmente em se tratando de um gênero tão sujo! Impressiona também a qualidade da gravação, sendo que parte do repertório foi captado há 17 anos!

Com faixas gravadas no Matter of Splatter Fest 2009, em Curitiba, e no Avalanche Metal Fest 1998, em São José do Rio Preto/SP, o Flesh Grinder mostra uma coesão absurda e consegue reproduzir com maestria clássicos como Splatter, Illegally Practicing Medicine, Embolia, Surgical Considerations About Embryologic Malformations, além de covers para Lubricant e Impetigo.

Direto de Illinois, o quarteto do Lividity traz gravações de sua apresentação no Party.San Open Air Festival, em Bad Berka na Alemanha. 'Menos' podre e mais brutal, a banda destila seu som que segue uma linha mais Death Metal de forma destruidora. Mérito para os vocais grunhidos do guitarrista Von Young, que destrói!

A qualidade da gravação também está bem legal, lembrando que o trabalho passou por mixagem e masterização no Masterpapst in Halle, também na Alemanha. Destaque para Stench of Virginity, Pussy Lover e No Time for Lube. Vale lembrar que o split é a gravação mais recente dos americanos. Gosta de 'podreira'? Pode ir sem dó!

Flesh Grinder:

https://www.facebook.com/fleshgrinderofficial

Lividity:

https://www.facebook.com/lividityofficial



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Flesh Grinder"Todas as matérias sobre "Lividity"


Metal Catarinense: 10 bandas para se conhecer [Parte 1]Metal Catarinense
10 bandas para se conhecer [Parte 1]


Humor: Não basta um machado na mão para ser Black MetalHumor
Não basta um machado na mão para ser Black Metal

Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à bandaMötley Crüe
A ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.