Grimriot: Além do que se propõe em estreia

Resenha - Under Red Stars - Grimriot

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


É interessante quando uma banda apresenta uma proposta em seu release e quando o ‘crítico’ vai ouvir, além de o som cumprir com a proposta, mostra que a banda vai além daquilo que se propôs. Esse é o caso do Grimriot em seu álbum de estreia, este "Under Red Stars".

Os gaúchos conseguem destilar uma sonoridade atual sem soarem tendenciosos. Afinal, os elementos de Prog Metal e Modern Metal se fazem presentes, mas o ouvinte mais atento irá notar influências mais enraizadas de Metal tradicional. Isso com certeza faz o som do grupo fugir do comum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Músicas bem estruturadas que mostram um equilíbrio fundamental é o trunfo da banda. Agressividade na media certa, melodia bem dosada, além do ‘groove’ necessário. Tudo com a produção de Henrique Fioravanti e do guitarrista Bruno Tripovichy soando orgânica, sem muita artificialidade.

A qualidade se faz presente nas quebradas e mudanças de andamento, onde a banda se mostra especialista. Destacando composições como The Last Change, Revolt (baita levada), By Myself (prestem atenção nas facetas tradicionais da música) e a versátil faixa título com ótimas linhas de baixo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda há participações especiais que agregaram e muito para a qualidade do disco, tais como Thiago Masseti (do DAYDREAM XI) e Renato Osório do HIBRIA em Bring It On, e Marcelo Pereira (também do DAYDREAM XI) em Heart of Darkness. Memorável!

https://www.facebook.com/TheGrimriot?fref=ts
http://metalmedia.com.br/grimriot/index_en.php

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Under Red Stars - Grimriot

Grimriot: Som agressivo, moderno e que foge do lugar comum




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: James Hetfield comenta sobre egos, Mustaine, Load e homossexualidadeMetallica
James Hetfield comenta sobre egos, Mustaine, Load e homossexualidade

Dane-se Bruce Dickinson: Simone Simons no metrô é muito melhorDane-se Bruce Dickinson
Simone Simons no metrô é muito melhor


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

GooInArt Goo336 Cli336 Goo336