Ayin: Brutalidade e técnica como pouco se vê

Resenha - Ordo Ab Chaos - Ayin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Após a demo “Seven” (2010) e o single “ChaoSystem” (2011) já era de se esperar um debut estrondoso dos sul-mato-grossenses do Ayin. Afinal, os lançamentos que serviram como prévia já mostravam uma banda competente e com uma pegada fora do comum.
5000 acessosTrujillo sobre Zakk Wylde: "ele é uma máquina de beber"5000 acessosSebastian Bach: "São Paulo foi o melhor show da minha vida"

“Ordo Ab Chaos” nada se parece com um trabalho de estreia, tão coeso e cheio de garra que é. Considerados por muitos veículos e críticos da mídia especializada como um dos melhores lançamentos nacionais, o trabalho depois de ouvido uma única vez comprova que tal menção é mais que merecida.

O Brutal Death Metal praticado pela banda não reinventa nada e muito menos traz alguma inovação ao estilo. E isso não é problema algum, afinal a banda segue o manual do subgênero e o faz com maestria e, como se não bastasse, com muita técnica.

Iniciamos pelo belo trabalho do guitarrista/vocalista Abner Ramires. Enquanto urra temas focados no caos, conspirações e filosofia do Thelema, o cara destila riffs carregadíssimos com tamanha desenvoltura e bons solos. O baixista Rafael Fernandes faz seu instrumento exalar peso e dar a base necessária.

A bateria de Leonardo Treuherz (que após as gravações foi substituído por Gil Oliveira - Necromesis, ex-Guillotine) mostra viradas insanas e ‘blast beats’ que não dão sossego, ditando o ritmo veloz das composições. Tudo com uma produção sobera a cargo de Anderson Rocha e mixagem e masterização feitas pelos mestres Antônio Araújo e Heros Trench.

É uma injustiça destacar algumas faixas em meio a nove belíssimas composições, mas a faixa título, Chaos System, Bigotry e Dajjal são ótimas referências para quem procura uma sonoridade técnica e extrema. Um trabalho de muito bom gosto, onde até o profissionalismo é extremo.

http://www.ayinbrasil.com/
http://www.facebook.com/ayinofficial

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ayin"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Ayin"

Rob TrujilloRob Trujillo
Sobre Zakk Wylde: "Ele é uma máquina de beber!"

Sebastian BachSebastian Bach
"São Paulo foi o melhor show da minha vida!"

Yngwie MalmsteenYngwie Malmsteen
O guitarrista comenta a sua esmerada educação musical

5000 acessosOzzy Osbourne: "o morcego era quente e crocante"5000 acessosCharlie Brown Jr: Filho de Chorão conta sobre treta com Marcelo Camelo5000 acessosViva a diferença: como cada músico arranja sexo5000 acessosBeatles: E se a história fosse contada pelo Jornal Meia-Hora?5000 acessosFreedom of Expression: o tema do Globo Repórter5000 acessosOzzy: baixista Phil Soussan fala do surgimento de Zakk Wylde

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online