Paulo Schroeber: Disco indicado não apenas para guitarristas

Resenha - Freak Songs - Paulo Schroeber

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Paulo Schroeber é um guitarrista de renome na cena metálica nacional, por suas passagens nas bandas Hammer 67, Astafix e, em especial, o Almah. Possuidor de um talento nato para as seis cordas, Paulo sempre se mostrou um músico virtuoso, mas de muito bom gosto, o que fica mais evidente neste seu primeiro disco solo, totalmente instrumental.
151 acessosNão Deixe o Samba Morrer: versão rock por Gustavo Di Padua5000 acessosCarlos Eduardo Miranda: "Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"

O disco possui uma sonoridade bem complexa, técnica e variada, com influências que vão do jazz e fusion ao funk, passando pelo metal e pela música brasileira, tudo de forma harmônica e com muita maturidade. Isso porque, além de Paulo, ainda participaram das gravações do baixista Felipe Andreoli, que dispensa apresentações, e o baterista Rodrigo Zorzi, um verdadeiro monstro das baquetas.

A produção também é ótima e, por óbvio, mesmo havendo um maior destaque para as guitarras, todos os demais instrumentos também dão suas caras em prol da musicalidade, não sendo um daqueles trabalhos de mera exibição de virtuosismos desnecessários.

O encarte do álbum também possui as explicações de Paulo para cada faixa, nas quais demonstra suas inspirações, bem como outros fatores que o influência ao compor.

É claro que nem tudo são flores, pois algumas faixas são um pouco longas demais, como “Neoclassical Party”, mas nada que tire os méritos do trabalho, que é um prato cheio para os apreciadores da boa música instrumental, e para os guitarristas que pretendem ouvir um disco desafiador e criativo.

Freak Songs – Paulo Schroeber
(Independente - Nacional)

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Freak Songs - Paulo Schroeber

1335 acessosPaulo Schroeber: Mostrando sua versatilidade

151 acessosNão Deixe o Samba Morrer: versão rock por Gustavo Di Padua1514 acessosEdu Falaschi: "O Rock é hereditário"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Almah"

MotivaçãoMotivação
10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estima

Melhores de 2014Melhores de 2014
As escolhas do redator Samuel Coutinho

Marcelo BarbosaMarcelo Barbosa
"Minha admiração pelo Phil Anselmo como pessoa caiu para zero"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Paulo Schroeber"0 acessosTodas as matérias sobre "Almah"

Carlos Eduardo MirandaCarlos Eduardo Miranda
"Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"

Roqueiros x FunkeirosRoqueiros x Funkeiros
Discussão que pode virar guerra

Marilyn MansonMarilyn Manson
Segundo a Billboard, é dele o vídeo mais assustador

5000 acessosMetal/Hard: Alguns dos maiores e melhores vocalistas atuais5000 acessosDave Mustaine: Magia Negra, Obama e Metallica5000 acessosCovers: quando bandas de Thrash, Death e Black prestam tributo5000 acessosKiko Loureiro: primeira vez com uma arma na mão4033 acessosGene Simmons: "Tenho inveja de Deus. Eu quero tudo!"5000 acessosMegadeth: Kerry King comenta sua rápida passagem pela banda

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online