Arroganz: Blackened Death Metal de alta qualidade e muito ódio

Resenha - kaos.kult.kreation - Arroganz

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Antes a Alemanha era é o berço do Power e do Thrash Metal para posteriormente reinar como a terra mais prolífica do Metal melódico. Hoje em dia o país se tornou o mais forte dentro do Metal em geral e de lá tem vindo bandas de todos os sub-estilos, sendo que quase sempre os materiais são de qualidade e bem produzidos.
5000 acessosDrogas e Álcool: protagonistas nos piores shows de grandes astros5000 acessosCovers: quando bandas de Heavy e Power Metal prestam tributo

Seguindo essa risca, a banda Arroganz, oriunda de Cottbus, faz um Blackened Death Metal de alta qualidade e com muito ódio no coração. Segundo trabalho do trio, "kaos.kult.kreation" faz jus ao seu nome através de composições brutais e agressivas que abordam satanismo, morte e caos.

Nada de inovador até então, porém a banda se sai muito bem no que se propõe e não dá chance para firula ou técnica exacerbada. Com uma produção um pouco suja, a banda destila composições que alternam velocidade com momentos mais cadenciados em um clima sempre apocalíptico e maléfico.

São 11 composições onde se destacam Ghost of the Wolf, Crush their Temple, Beyond Slavery e Verderber, mas que não ficam muito a frente das demais. A arte da capa é outro fator que chama atenção, mesmo sendo clichê ainda assim irá chocar muita gente. Um bom trabalho!

http://www.hellishhordes.com/
http://www.facebook.com/hellishhordes
http://www.myspace.com/arroganz

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Arroganz"

Drogas e ÁlcoolDrogas e Álcool
Protagonistas nos piores shows de grandes astros

CoversCovers
Quando bandas de Heavy e Power Metal prestam tributo

RammsteinRammstein
"Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!"

5000 acessosManowar: você acha as fotos da década de 80 ridículas?5000 acessosSeparados no nascimento: Cazuza e Lauro Corona5000 acessosBig Four: astros da cena Heavy escolhem banda preferida5000 acessosLegião Urbana: Marcelo Bonfá explica performance ruim no celular5000 acessosGuns N' Roses: Izzy tentou reunir banda original com Axl em 20125000 acessosMegadeth: temas de filmes e desenhos que talvez você não conheça

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online