RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemKirk Hammett admite que não aguenta mais tocar o solo de "Master of Puppets"

imagemDavid Gilmour elege cinco álbuns fundamentais da história do rock

imagemAce Frehley diz que tem documento que pode arruinar carreira de Paul Stanley e Gene Simmons

imagemO dia que Erasmo Carlos recorreu a farmacêuticos para decifrar caligrafia de Raul Seixas

imagemJames Hetfield afirma que é "quase impossível" manter o ritmo do passado

imagemO hit do Sepultura que Max Cavalera foi aconselhado a trocar o título por erro de inglês

imagemOficial: AC/DC, Ozzy Osbourne, Guns N' Roses, Metallica e Iron Maiden no Power Trip Festival

imagemAs 11 melhores instrumentais da história do metal, em lista da Revolver Magazine

imagemEdu Falaschi e Bruno Sutter comentam sobre banda que é "Backstreet Boys do metal"

imagemDrogas, bateria vendida e show perdido: como Nick Menza se tornou integrante do Megadeth

imagemAndreas Kisser chegou no fundo do poço quando não foi a Disney pois não tinha cerveja

imagemMetallica: Robert Trujillo toca Black Sabbath com esposa e filha para ajudar causa animal

imagemKatatonia: um show curto e decepcionante para o que se espera da banda

imagemA estrada brasileira e a icônica dupla sertaneja que inspiraram "Infinita Highway"

imagemDef Leppard mostra bastidores da turnê e o incrível presente recebido em São Paulo


Stamp

Lux Divina: muito além do Black Metal

Resenha - Possessed by Telluric Feelings - Lux Divina

Por Vicente Reckziegel
Postado em 24 de abril de 2013

Nota: 9

Neste segundo disco, cujo lançamento será no próximo dia 19 de Abril, a banda espanhola de Pagan Black Metal transcende de vez suas raízes. Se no debut "From the Tomb To Nature's Blood" já mostravam que seu som ia muito além do simples Black Metal, neste "Possessed by Telluric Feelings" demonstram que sua música não possui limites. Fãs puristas do estilo devem passar longe deste disco, que conta com uma gama de estilos, desde o melancólico até mesmo alguns momentos mais progressivos, mas obviamente sem deixar de lado o Black Metal, que aparece em boas doses durante toda a duração do álbum.

Bruce Dickinson

Se quiserem saber como o Lux Divina soa, é só ouvir a faixa de abertura, "After Great Pain". Ela, que engloba todas as nuances do som da banda, pode ser considerada, sem exageros, uma das melhores músicas dos últimos tempos (ao menos das que eu pude escutar). É de surpreender como conseguirem compor uma música tão completa (e complexa), desde seu inicio com violões e um riff soturno, mas muito bacana, de guitarra, até surgir o vocal do grande Norax. Esse talvez seja o grande destaque aqui, fazendo desde as vocalizações mais agressivas do Black Metal até vocais tipicamente do Gothic Metal, com uma qualidade impar nos dias de hoje. Difícil destacar as músicas individualmente, mas, além da citada "After Great Pain", as faixas "And an Intense Feeling of Misanthropy" (essa talvez a mais voltada para o tradicional Black Metal), "Discoloured with a Lifeless Red", "Fagus Sylvatica", "All Religions Burn" e "Bonescrown to the Dead Wolf".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Apesar de não ser exatamente uma banda iniciante, pois já tem quinze anos de estrada, se os próximos lançamentos do Lux Divina seguirem esse nível de qualidade, com certeza a banda ainda dará muito que falar. Um dos grandes destaques (até o momento) de 2013.

Tracklist:

1 - After Great Pain
2 - And an Intense Feeling of Misanthropy
3 - Discoloured with a Lifeless Red
4 - Fagus Sylvatica
5 - Ode to December Moon
6 - White Polar
7 - All Religions Burn
8 - Natura Gelida
9 - Bonescrown to the Dead Wolf
10 - Groundwaters

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Summer Breeze B


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Vicente Reckziegel

Servidor público, escritor, mas principalmente um apaixonado pelo Rock e Metal há pelo menos duas décadas. Mantêm o Blog Witheverytearadream desde Dezembro de 2007. Natural e ainda morador de uma pequena cidade no interior do Rio Grande do Sul, chamada Estrela. Há muitos anos atrás tentou ser músico, mas notou que faltava algo simples: habilidade para tocar qualquer instrumento. Acredita na música feita no Brasil, e gosta de todos os gêneros, desde Rock clássico até Black Metal.
Mais matérias de Vicente Reckziegel.