Thygard: o que faz Harvest é muito mais que algo ousado.

Resenha - Gothic Digital Evolution - Thygard

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 7


Está aí um trabalho que serve de prato cheio para os radicais e conservadores de plantão descer a lenha, fazerem correntes contra nas redes sociais e tudo mais. Se você adere a este tipo de campanha, pare de ler agora. Afinal, o que faz Harvest (vocal/guitarra), o cara por trás do Thygard, é muito mais que algo ousado.

Metal: nomes do gênero que assumiram ser cristãosStoner Rock: Um guia básico para o estilo

O som é uma mescla de psy, música eletrônica com Metal, sim, é isso mesmo. Não é algo industrial não, as guitarras possuem um efeito leve nesse quesito, é algo na linha do que faz o The Kovenant, só que com muito mais batidas. Um bom exemplo disso seria assim, se este som for tocado em uma Rave, ninguém vai perceber o elemento Metal, já o contrário seria percebido logo de cara.

Mas, convenhamos, a proposta deve ser compreendida e Harvest nunca disse que não seria esse tipo de som que gostaria de fazer. Os riffs de guitarras são muito bons, os sintetizadores viajantes estão muito bem encaixados e o que 'mata' mesmo são as batidas extremamente eletrônicas.

Outro fator positivo são os vocais maléficos e maliciosos que ajudam a dar um pouco de peso às composições. Faixas como Evil Race e Toxic Generation realmente são cativantes, pelo menos na opinião desse que vos escreve. O Thygard é algo pra quem gosta mesmo, não pra quem quer.

http://www.facebook.com/thygard?fref=ts




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Thygard"


Metal: nomes do gênero que assumiram ser cristãosMetal
Nomes do gênero que assumiram ser cristãos

Stoner Rock: Um guia básico para o estiloStoner Rock
Um guia básico para o estilo


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.