Newsted: trabalho onde é possível identificar o seu DNA sonoro

Resenha - Metal - Newsted

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Seelig, Fonte: Collectors Room
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 5


O EP "Metal" marca o retorno de Jason Newsted. Durante 15 anos baixista do Metallica, Jason assumiu a bronca de substituir o falecido e idolatrado Cliff Burton em um dos momentos mais complicados da trajetória da banda norte-americana. Com passagens também pelo Flotsam & Jetsam, Voivod, Echobrain, Rock Star Supernova e outros grupos, Newsted finalmente lançou um trabalho autoral onde é possível identificar o seu DNA sonoro.

Gilby Clarke: Axl me disse "aproveite seu último show"Kerrang: os melhores singles já lançados

E esse DNA, como deixa claro o título de sua estreia, é impregnado de heavy metal. Contando com o guitarrista Jessie Farnsworth e o baterista Jesus Mendez Jr., Jason assumiu também o vocal no trio que retoma a sua carreira. Lançado pela gravadora do próprio músico, a Chophouse Records, o disquinho foi gravado no estúdio particular de Jason.

Há uma pegada old school nas quatro faixas de "Metal". As composições vão na linha do metal tradicional, com algumas passagens que se aproximam, de leve, do punk. Não há nada que lembre a sonoridade intrincada característica do thrash metal. É tudo mais simples, sem enrolação. O timbre de voz de Jason Newsted, um gutural leve e que em alguns momentos soa semelhante ao de Lemmy, só torna esse aspecto espontâneo ainda mais evidente.

No entanto, as composições acabam não impressionando tanto. Com exceção de "Soldierhead", carro-chefe que abre o trabalho, as faixas seguintes não empolgam. "Godsnake" e "King of the Underdogs" soam arrastadas e duram além da conta, enquanto "Skyscraper" é apenas derivativa. Não há nada que impressione, ainda que tudo soe bem feito e coisa e tal.

Os fãs, saudosos de Jason, provavelmente irão saudar Metal como o retorno de uma espécie de Messias. O EP não é nada disso, e, infelizmente, soa bastante inferior ao resultado alcançado pelo Metallica em seu último trabalho, "Death Magnetic".

É bom ter Jason de volta, mas esperava mais desse seu retorno. Torço para que "Metal" seja apenas o primeiro passo, e que Newsted entregue um álbum completo e bem mais inspirado nos próximos meses, justificando assim a sua volta aos holofotes.

Faixas:
1 Soldierhead
2 Godsnake
3 King of the Underdogs
4 Skyscraper


Outras resenhas de Metal - Newsted

Newsted: Influências do Metallica são inegáveisNewsted: se fosse fosse personagem bíblico, sem dúvida, seria JóNewsted: ex-baixista do METALLICA mostra força no primeiro EPNewsted: ex baixista do Metallica lança o primeiro EP




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Jason Newsted"


Jason Newsted: por que seus dias com Ozzy duraram pouco?Jason Newsted
Por que seus dias com Ozzy duraram pouco?

Metallica: o que Jason Newsted pensava na época do Black AlbumMetallica
O que Jason Newsted pensava na época do Black Album


Gilby Clarke: Axl me disse aproveite seu último showGilby Clarke
Axl me disse "aproveite seu último show"

Kerrang: os melhores singles já lançadosKerrang
Os melhores singles já lançados


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

adClioIL