Totengeflüster: extremo, brutal e agressivo como Black Metal pede

Resenha - Vom Seelensterben - Totengeflüster

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Liderada pelo guitarrista/baixista e arranjador Totleben, a banda alemã Totengeflüster surgiu em 2007, mas somente seis anos depois chegou ao seu debut, este "Vom Seelensterben". Com Narbengrund nos vocais, Totleben foi o responsável por toda concepção deste primeiro trabalho - recentemente a banda adicionou o batera Schattendorn ao seu line-up.

Freedom of Expression: o tema do Globo RepórterDeuses do Rock: o tempo passa para (quase) todos eles

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A sonoridade contida em "Vom Seelensterben" é extrema, brutal e agressiva como todo trabalho de Black Metal pede. Mas, a banda consegue a proeza de incluir elementos sinfônicos e orquestrais em sua música, sem fazer com que isso tire o peso ou soe melodioso demais, como é de costume em bandas que aliam o Black Metal a isso.

Tudo do estilo está ali, riffs ríspidos, cozinha direta, vocais rasgados e velocidade, mas tudo envolto por ótimos arranjos de teclados que faz com que as composições soem ainda mais apocalípticas. Um grande exemplo disso é a faixa Der Pakt, que soa brutal, demoníaca e possui ótimos elementos sinfônicos.

Outros destaques são Ein Traumgespinst, a 'cadenciada' Vom Seelensterben, Blutsegen - Die Stromende Erkenntnis e Ein Neuer Pfad. Como deu pra perceber, o Totengeflüster canta em alemão, mas isso não faz muita diferença, já que as vociferações de Narbengrund não permitem um melhor entendimento das letras.

A produção a cargo de Marc Globig poderia ter ficado menos suja, mas nada atrapalha a boa audição do álbum. Já a arte gráfica merece menção, pois é linda e ficou a cargo do próprio Totleben, que também é artista e já trabalhou para nomes como Necronomicon (Canada) e Imperium Dekadenz. Ótima estreia!

http://www.totengefluester.de/




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Totengeflüster"


Freedom of Expression: o tema do Globo RepórterFreedom of Expression
O tema do Globo Repórter

Deuses do Rock: o tempo passa para (quase) todos elesDeuses do Rock
O tempo passa para (quase) todos eles


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336