Sinister: mantém-se fiel ao underground como poucas

Resenha - Carnage Ending - Sinister

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Sinister! Uma banda que, à sua maneira, mantem-se fiel ao underground como poucas. É verdade que o pessoal colocou um pouco mais de melodia nos trabalhos anteriores, mas neste, parece ter voltado às raízes. Que bom! Não seria ousadia afirmar que, desde "Aggressive Measures", o grupo não tocava algo violento.
5000 acessosTom Grosset: O mais rápido baterista do mundo segundo o Guinness5000 acessosIron Maiden: Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Então, tome Death Metal preciso e matador na orelha! Sem frescuras, sem nada de novo, apenas o velho e (muito) bom Sinister. As faixas devoram o ouvinte por seus bons arranjos e claro, pela brutalidade característica.

É incrível como conseguem trabalhar bem as músicas, alternando alguns momentos mais cadenciados com disparadas fulminantes, comandadas pelos 'blast beats' avassaladores de Toep Duin. Mas o cara não é o único que se sai bem nessa barulheira toda: os trabalhos de guitarra do senhores Bastiaan Brussaard e Dennis Hartog também estão ótimos, com riffs concisos e uns solos de muito respeito - ouçam "Transylvania (City Of The Damned)" ou a faixa-título, por exemplo -, coisa que a banda talvez nunca tivesse desenvolvido ao longo de seus mais de vinte anos de estrada. Engraçado, a dupla até lembra um pouco o que os irmãos Hoffmann (ex-Deicide, atual Amon) fizeram/fazem.

Mas já que o baterista foi citado, vale mais um comentário: Aad Kloosterwaard, hoje no posto de vocalista, era o antigo baterista, como muitos devem se recordar. E ele exerce as duas funções com louvor, mas, sejamos francos, o atual dono das baquetas, Duin, é ainda mais extremo e técnico, o que dá ainda mais prazer na audição do álbum.

Até nas mais lentas, como "Oath of Rebirth", o quinteto capricha, é impressionante! E na sequência dessa maravilha, vem a contrastante "Regarding the Imagery", ultra violenta. Impossível pasar incólume depois desse míssel! Agora, se tem uma séria candidata a se tornar hino, essa é a devastadora "The Final Destroyer", que fecha o play. Contudo, é claro que os destaques devem ser direcionados a todas as outras composições, nada mais justo.

"The Carnage Ending" não é menos do que viciante e certamente merece lugar entre os melhores discos de 2012. P-O-R-R-A-D-A obrigatória para ouvir com volume no talo! Com o perdão do trocadilho, mas o negócio aqui é realmente sinistro. Será que é sonhar alto demais com eles virem ao Brasil?

Sinister - The Carnage Ending
Massacre Records - 2012 – Holanda

http://www.sinister-hailthebeast.com
http://www.myspace.com/sinisterwingsofdeath

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Sinister"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Sinister"

Tom GrossetTom Grosset
O mais rápido baterista do mundo segundo o Guinness

Iron MaidenIron Maiden
Caipiras finlandeses fazem versão de "The Trooper"

Heavy MetalHeavy Metal
Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o Loudwire

5000 acessosHeavy Metal (o filme): trilha sonora do caralho!5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosBlack Sabbath: a passagem de Ian Gillan pela banda5000 acessosIron Maiden: veja a banda como você não gostaria de vê-la3632 acessosMotorhead: Lemmy Kilmister em impensável versão minion5000 acessosMetallica: os riffs reaproveitados do Exodus

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online