Matérias Mais Lidas

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemBruno Valverde diz que preconceito contra ele veio mais da igreja do que dos metaleiros

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemGeezer Butler, Heavy Metal e a clássica canção do Black Sabbath inspirada por Jesus

imagemA banda de forró que uniu Nenhum de Nós, Legião, Titãs e Paralamas na mesma música

imagemIggor Cavalera manda ver em "Dead Embryonic Cells" ao vivo; confira drumcam

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemComo foram os últimos meses de Renato Russo e a causa da sua morte

imagemNovo álbum do Krisiun será lançado em julho; veja capa e tracklist

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemTobias Forge, do Ghost, diz que ABBA deveria receber um Prêmio Nobel

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil


Pastore: um dos maiores representantes do Metal nacional

Resenha - End Of Our Flames - Pastore

Por Junior Frascá
Em 16/06/12

Nota: 9

O segundo disco da banda PASTORE (sim, trata-se de uma banda, e não de um projeto do vocalista Mario Pastore, como fica claro nesse lançamento) vem para consolidar de vez o nome do conjunto como um dos maiores representantes do metal nacional da atualidade, pois a qualidade do material que nos é apresentado é impressionante, e comprova ainda mais que estamos em uma das melhores fases da música pesada em nossas terras.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Mostrando grande maturidade, a banda dá um passo a mais em relação ao debut, "Price for the Human Sins" (2010), conseguindo evoluir sem deixar de lado as características marcantes de sua sonoridade, calcada no metal tradicional moderno, pesado e agressivo, e até com alguns elementos de thrash metal em algumas partes, principalmente nos excelentes riffs de guitarra.

Aliás, o trabalho de Raphael Gazal (que compôs quase todas as músicas do disco) é excelente, tanto como instrumentista (com riffs empolgantes e pesadíssimos, e solos memoráveis), como produtor, vez que a sonoridade do disco mostra-se muito boa, sendo moderna, mas mantendo o som cru e vigoroso, como deve ser.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Mas como não poderia deixar de ser, o grande destaque do disco mesmo são os vocais de Mario (o que ocorre em todos os discos que o vocalista participa), que consegue como poucos mesclar técnica e agressividade de forma natural e precisa, atingindo tons altíssimos com muita facilidade, e podendo ser considerado não apenas um dos melhores vocalistas do Brasil na atualidade, mas do mundo. Escute faixas como "Brutal Storm" e "Envy" e tirem suas próprias conclusões.

O disco é todo muito homogêneo, com faixas diretas e muito agressivas, destacando-se as já citadas "Brutal Storm" e "Envy" (uma das mais agressivas do trabalho), além da faixa título, "Unereal Messages" (mais cadenciada, e com Mario lembrando muito o saudoso mestre DIO) e "The World Is Falling" (cheia de groove), que encerra o disco com chave de ouro. O único ponto negativo do material é que alguns refrãos são pouco marcantes, faltando aqueles elementos mais "grudentos", e que fazem o ouvinte sair cantando a música com apenas algumas audições, mas nada que retire a excelência do material.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Portanto, "The End of Our Flames" mostra uma banda evoluída, moderna e cada vez mais agressiva, podendo ser apontado como um dos grandes lançamentos nacionais de 2012, e que deverá levar a banda ao merecido sucesso, principalmente no exterior. Se eu fosse você correria já atrás de uma cópia do material, não há como se arrepender!

Confiram o clipe da excelente "Brutal Storm".

The End of Our Flames – Pastore
(2012 – Voice Records - Nacional)

Formação:
Mario Pastore - Vocals
Raphael Gazal - Guitars
Aléxis Gallucci - Bass
Fabio Buitvidas - Drums

Track List:
1. The End of Our Flames
2. Night and Day
3. Fools
4. Brutal Storm
5. Empty World
6. Liar
7. When the Sunrises
8. Envy
9. Unreal Messages
10. Bring to Me Peace
11. The World Is Falling

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva


Outras resenhas de End Of Our Flames - Pastore

Resenha - End Of Our Flames - Pastore

Resenha - End Of Our Flames - Pastore

Resenha - End Of Our Flames - Pastore

Resenha - End of Our Flames - Pastore

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Pastore: esse é o país do Carnaval, e não do Metal



Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá.