Tristania: Não espere por aquele som melancólico de antes

Resenha - Rubicon - Tristania

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Antes de mais nada, uma ressalva deve ser feita: o TRISTANIA, há um bom tempo, já não é mais aquela banda que marcou época nos anos 90 como uma das maiores representantes do Gothic Metal. Então, não espere por aquele som soturno e melancólico de antes, pois a banda é outra, inclusive com mais uma considerável mudança de formação, sendo que este “Rubicon”, 6º álbum de estúdio destes noruegueses, marca a estreia da vocalista Mariangela "Mary" Demurtas, substituindo a excelente Vibeke Stene.
5000 acessosIron Maiden: a fotografia de "The Final Frontier"5000 acessosPara tocar: O que são tablaturas e como usá-las?

E com a nova vocalista já estampando a capa do novo trabalho (será que os caras não enjoam desse tipo de arte não?), o TRISTANIA nos traz uma sonoridade embora ainda pesada, mais acessível e ambiental, principalmente devido à Mariangela, que possui uma voz bem mais suave, apesar de bem expressiva e técnica. Há também as famosas mesclas do vocal feminino com os vocais masculinos agressivos de Kjetil Nordhus em diversas faixas, deixando o som mais dinâmico e diversificado.

Mas com certeza muitos dos antigos fãs da banda irão torcer o nariz para essa nova sonoridade, mas não há como negar que o grupo continua brindando os ouvintes com músicas de qualidade, com ótimos arranjos e momentos muito marcantes, como se percebe logo na faixa de abertura, “Year of the Rat”, com teclados a lá DIMMU BORGIR e com Mariangela mostrando todas as suas qualidades.

Além desta, destacam-se ainda “Patriotic Games”, com belos riffs; “Sirens”, bem tensa e com um clima repleto de melancolia; e “Illumination”, uma faixa épica e variada, sendo sem dúvida a melhor do registro.

Portanto, não espere o mesmo TRISTANIA de antigamente, mas caso você tenha a mente mais aberta para novas sonoridades, com certeza irá curtir o material, cuja aquisição é recomendada, ainda mais agora que o CD acaba de ser disponibilizado no mercado nacional.

Rubicon - Tristania
(2011 – Die Hard Records/Rock Machine/Rock Brigade/Voice Music –Nacional)

Track List:

01. Year of the Rat
02. Protection
03. Patriot Games
04. The Passing
05. Exile
06. Sirens
07. Vulture
08. Amnesia
09. Magical Fix
10. Illumination

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Rubicon - Tristania

2571 acessosTristania: Banda mais uma vez muda o som em novo trabalho1333 acessosTristania: Sonoridade bem diferente de trabalhos anteriores

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 10 de maio de 2012

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Tristania"

Musas do MetalMusas do Metal
Confira as 10 mais lindas atualmente

Feias que me perdoemFeias que me perdoem
Musas do Rock e Heavy Metal

MetalheadMetalhead
As mulheres mais sexys do Heavy Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Tristania"

Iron MaidenIron Maiden
A fotografia estranha de "The Final Frontier"

Para tocarPara tocar
O que são tablaturas e como usá-las?

GuitarristasGuitarristas
Os 10 maiores dos anos 80 segundo a revista Fuzz

5000 acessosIron Maiden: a fotografia de "The Final Frontier"5000 acessosPara tocar: O que são tablaturas e como usá-las?5000 acessosGuitarristas: Os 10 maiores dos anos 80 segundo a revista Fuzz5000 acessosSlipknot: como são os membros da banda sem as máscaras?5000 acessosCorey Taylor: "Seu nome era Lemmy e ele tocava Rock n Roll"4263 acessosOrgulho Nacional: as capas mais bonitas por artistas brasileiros

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online