Beyond Terror Beyond Grace: Uma banda de grind insana

Resenha - Our Ashes Built Mountains - Beyond Terror Beyond Grace

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Como diz Galvão Bueno, “prepare o seu coração”. Para quem ainda não conhece, é bom estar pronto para a Beyond Terror Beyond Grace, uma banda de grind insana e com músicos excepcionais. Caos vindo do outro lado do mundo, a quente Austrália.
5000 acessosCarlos Eduardo Miranda: "Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"5000 acessosLemmy: "Radiohead e Coldplay são bandas sub-emo"

Eles não fogem do óbvio, é verdade, só que a brutalidade de “Our Ashes Built Mountains” nos avisa que nem precisa querer inovar para fazer música boa. Aliás, são 20 delas, fechando quase 40 minutos de violência auditiva. Uma maravilha.

Quase não existe intervalo entre as faixas, ou seja, você fica impactado pela brutalidade, arremessado para o outro lado da sala até o final do play. Mesmo nas composições mais cadenciadas (que não são poucas – com direito a umas viagens, mas beleza), a destruição é certa.

Não poderia deixar de falar do monstro das 1000 baquetas, Steve Smith. Impressionante é pouco. O que esse cara faz é um crime. Vi poucos esmigalharem a bateria como ele. Acha exagero? Dá uma conferida no vídeo lá embaixo então. Aliás, ele não é somente ultraveloz, mas também extremamente criativo. Tudo sem nunca deixar de ser extremo, é isso o que mais choca. Com pequenas ou grandes variações, o músico definitivamente nasceu pra coisa.

Os vocais de Barton Ware e do também baixista Alex Nicholson também são dos bons. Como brilhava Kevin Sharp no início da Brutal Truth alternando seus berros de maneira genial, Ware e Nicholson também têm um domínio excelente de suas goelas.
Bom, nem preciso falar do peso da guitarra e do baixo. As cordas dão um tom... maciço à banda! Essa é a palavra ideal para descrever a potência do som da BTBG. Inclusive a timbragem remete um pouco ao magnânimo “From Enslavement to Obliteration” (Napalm Death).

E previno que vale a pena correr atrás de toda a discografia do conjunto. Se conseguir, você terá seu próprio kit terremoto dentro de casa. Beyond Terror Beyond Grace: simplesmente desumano.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Beyond Terror Beyond Grace - Our Ashes Built Mountains
Deep Send Records – 2010 – Austrália
http://www.myspace.com/beyondterrorbeyondgrace

Tracklist
1. Mannequins
2. Amnesia
3. Husk
4. Information Scars
5. Tumour
6. Shadowhalo
7. Words
8. Exposure
9. Fugue
10. Flightless
11. Coil
12. Paradigm
13. Hang Them by Their Crowns
14. Answers
15. Control
16. Aesthetics
17. Ashes
18. Pathetic
19. Murakami
20. Bias

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Beyond Terror Beyond Grace"

MirandaMiranda
"Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"

MotorheadMotorhead
"Radiohead e Coldplay não são rock"

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Andre Matos e Steve Perry

5000 acessosResenha - Sgt. Peppers - Beatles5000 acessosAC/DC: setlist, fotos e vídeos do show arrasador com Axl Rose5000 acessosBruce Dickinson: Ele lamenta não ter dado um soco em Axl Rose5000 acessosIan Gillan: "Eu era um idiota tão grande quanto Ritchie"5000 acessosRush: o discurso mais criativo e engraçado da música5000 acessosCapas de CD estranhas: o que está por trás dessas imagens?

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online