Communic: Sonoridade garante lugar entre as grandes bandas

Resenha - Bottom Deep - Communic

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Dois anos após o excelente “Paymento of Existence”, eis que os noruegueses do COMMUNIC voltam com um novo (e também excelente) trabalho, demonstrando toda a criatividade e competência deste power trio.
5000 acessosButcher Babies: Conheça o Porn Metal de ex-coelhinhas da Playboy5000 acessosZakk Wylde: "Black Sabbath com o Dio não é Black Sabbath"

Mantendo a formação dos discos anteriores, com Oddleif Stensland (voz e guitarra), Erik Mortensen (baixo) e Tor Atle Andersen (bateria), a banda mostra novamente uma gama de influências diversas, misturadas homogeneamente com perfeição, e que levam o ouvinte a experimentar diversos tipos de sensações durante a prazerosa audição do disco.

Como nos discos antecessores, podemos constatar que a música do conjunto prima por uma mistura bem interessante entre power metal, thrash metal e metal progressivo, com canções repletas de peso e de melodias carregadas e melancólicas. Mas seu som não se resume a apenas uma mescla destes estilos, pois a cada nova audição podemos perceber novos elementos que abrilhantam ainda mais as composições. Mas é clara ainda a grande influência que o (falecido?!) NEVERMORE tem sobre o som da banda, principalmente em relação ao início de sua carreira.

Todos os músicos são exímios instrumentistas, aliando técnica e criatividade em cada passagem das novas canções, tendo como destaque Stensland, tanto nas guitarras, com riffs (e que riffs!!!) e solos espetaculares, além de evoluir seu vocal a cada novo lançamento da banda, incluindo variações bem interessantes, lembrando bastante o timbre de Zakk Stevens (CIRCLE II CIRCLE, ex SAVATAGE).

O disco já começa quebrando tudo com a maravilhosa “Facing Tomorrow”, com riffs ultra pesados e melodias repletas de tensão, apresentando todas as características do som característico da banda acima descritas, sendo um bom exemplo do que o esperar do trabalho. Além dela, destacam-se ainda “Floor River Blood” (a mais “Nevermore” de todas), com varias mudanças de andamento; a progressiva “Voyage of Discovery”; “Destroyer Of Bloodlines”, bem pesada e com muito groove; e a faixa título, uma bela e emocional balada, apesar de bastante curta para os padrões da banda.

“The Bottom Deep” não traz grandes inovações no som do COMMUNIC, e pode não superar seu grande clássico “Waves of Visual Decay”, mas é mais um excelente trabalho desta excelente banda que, infelizmente, até o momento, não conseguiu o sucesso que merece, pois se dependesse apenas de seu som, já teria fácil lugar garantido entre as grandes bandas da nova geração do heavy metal!

Nota 8

The Bottom Deep – Communic
(2011 – Nuclear Blast - Importado)

01. Facing Tomorrow (7:44)
02. Denial (6:34)
03. Flood River Blood (5:16)
04. Voyage Of Discovery (6:51)
05. In Silence With My Scars (6:23)
06. My Fallen (6:54)
07. Destroyer Of Bloodlines (5:50)
08. Wayward Soul (7:03)
09. The Bottom Deep (2:39)
10. In Union We Stand (5:04)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Communic"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Communic"

Butcher BabiesButcher Babies
Conheça o Porn Metal de ex-coelhinhas da Playboy

Zakk WyldeZakk Wylde
"Black Sabbath com o Dio não é Black Sabbath"

LoudwireLoudwire
Os vídeos mais sexys de todos os tempos

5000 acessosIgor Cavalera sobre Sepultura: "Não gosto de falar de gente morta"5000 acessosFaturamento: Quanto Judas, Aerosmith, Slash fazem por show?5000 acessosIron Maiden: Nado sincronizado ao som de "The Trooper"5000 acessosZakk Wylde: guitarrista lembra de testes para o Guns N' Roses5000 acessosHomem-Aranha: Por que ele não pode ir a shows de Metal?3904 acessosNirvana: vídeo com três músicas de seu último show

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online