Ricardo Primata: Um instrumental de audição muito agradável

Resenha - Espelho da Alma - Ricardo Primata

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Além de não serem muitos os discos de rock instrumental liberados por músicos brasileiros, existe uma compreensível tendência em muitos deles terem como óbvias referências os trabalhos das grandes feras do gênero – Joe Satriani, Steve Vai, Jeff Beck, etc. Mas como fica a situação de um artista que cresceu entre um povo que é famoso pela devoção por sua cultura regional?
5000 acessosSlipknot: Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir5000 acessosTotal Guitar: os 20 melhores riffs de guitarra da história

Pois bem, nesse caso, o artista chama-se Ricardo Primata, que tem sua origem na Bahia. E, como não poderia deixar de ser, esse é um guitarrista que caminha por seus próprios passos com a maior naturalidade e que liberou um disco instrumental cuja audição é muito, mas muito agradável. “Espelho da Alma” se mostra um viscoso caldo musical, cujos ingredientes passeiam pelo Rock e Heavy Metal, muita música nordestina, MPB, Jazz e outros estilos que são salpicados pelo repertório com o devido esmero e sensibilidade.

E que fique claro que, mesmo com toda a miríade de ritmos, Ricardo conseguiu, de uma forma ou outra, manter um importante fator de coesão entre cada uma das canções, e com visível preocupação em manter o devido equilíbrio entre a técnica e o feeling. Entre os suingues e sutilezas, temos como destaque “Baião a Dois” e “Repentes”, ou ainda o impacto das pesadas “Código Guepardo” e “Vencedor”, entre tantas outras ocasiões gratificantes.

E, para ajudar a atingir o resultado final, “Espelho da Alma” contou com a camaradagem de vários artistas cuja reputação se expandiu para outros estados, como o repentista Bule-Bule ou Armandinho Macedo, o homem da guitarra baiana, além de muitos outros de uma respeitável lista. E, para complementar e ser apreciado em meio a tanta musicalidade, temos um projeto gráfico repleto de imagens que dizem muito em sua beleza.

Toda essa versatilidade não deve ser somente conferida pelos típicos fãs de Rock e Heavy Metal que navegam pelo Whiplash!... “Espelho da Alma” tem todos os atrativos para conquistar um público mais amplo, tanto que o Ricardo já deu um giro pelos EUA e obteve êxito entre o pessoal de lá. Confira e tire suas conclusões... Ou vai amarelar?

Contato:
http://www.ricardoprimata.com.br
http://www.myspace.com/ricardoprimata

Músicos:
Ricardo Primata - guitarra, violão, etc
Gilmário Celso - baixo
Marcel Freire - bateria
Mariana Marin - percussão
Joberson Macedo - teclado
Juninho Pereira - percussão
Jambarê - tuba
Jelber Oliveira - acordeom
Bruno Costa - baixo
Armandinho Macedo - guitarra
Bule–Bule - repentista

Ricardo Primata - Espelho da Alma
(2009 / Visões do Infinito Discos – nacional)

01. No Coração da Selva
02. Baião a Dois
03. Espelho da Alma
04. Repentes
05. Código Guepardo
06. Acidental-Mente
07. Entrelaçado
08. Quadro dos Sonhos
09. Reafinando Paisagens
10. Vencedor
11. Linha do Tempo
12. Visões

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Espelho da Alma - Ricardo Primata

619 acessosRicardo Primata: música instrumental classe A

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ricardo Primata"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Ricardo Primata"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor abandona os palcos se o Guns se reunir

Total GuitarTotal Guitar
Os 20 melhores riffs de guitarra da história

BurzumBurzum
A polêmica história e filosofia de Varg Vikernes

5000 acessosMegadeth: fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeo5000 acessosLayne Staley do Alice in Chains encontrado morto5000 acessosMusos do Heavy Metal: Agora é a vez das garotas!5000 acessosBruce Dickinson: o lado ator pouco explorado do vocalista5000 acessosBlack Sabbath: eles já faziam o sinal do demônio bem antes de Dio4349 acessosMustaine: A perfeição de seus cabelos em divulgação de salão de beleza

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online