Matérias Mais Lidas

Steve Vai: Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como eleSteve Vai: "Eu não posso tocar como Yngwie Malmsteen; ninguém pode tocar como ele"

Bruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atençãoBruce Dickinson, sem pensar duas vezes, revela pérola do Maiden que merece mais atenção

Malas sem alça: dez vezes que astros do rock e do metal foram arrogantes em citaçõesMalas sem alça: dez vezes que astros do rock e do metal foram arrogantes em citações

A opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano BrownA opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano Brown

John Lennon: conheça a música que o uniu a Elton John e o reconciliou com YokoJohn Lennon: conheça a música que o uniu a Elton John e o reconciliou com Yoko

Vocalista do Saxon acha um pouco maluco Judas Priest tocar como um quartetoVocalista do Saxon acha "um pouco maluco" Judas Priest tocar como um quarteto

A opinião de Chester Bennington e Travis Barker sobre o MetallicaA opinião de Chester Bennington e Travis Barker sobre o Metallica

Capital Inicial: cinco músicas que foram escritas por Pit Passarell, do ViperCapital Inicial: cinco músicas que foram escritas por Pit Passarell, do Viper

Raul Seixas: a inusitada reação de Paulo Coelho ao saber da morte do compositorRaul Seixas: a inusitada reação de Paulo Coelho ao saber da morte do compositor

O sentimento de Pete Best, primeiro baterista dos Beatles, após ter sido demitidoO sentimento de Pete Best, primeiro baterista dos Beatles, após ter sido demitido

Homem rouba guitarra de R$ 43 mil enfiando-a nas calças; veja vídeoHomem rouba guitarra de R$ 43 mil enfiando-a nas calças; veja vídeo

Lemmy e Joey Ramone: a forte e verdadeira amizade entre duas lendas do RockLemmy e Joey Ramone: a forte e verdadeira amizade entre duas lendas do Rock

Capital Inicial: quem é a pessoa que inspirou o sucesso NatashaCapital Inicial: quem é a pessoa que inspirou o sucesso "Natasha"

COVID: nunca mais vamos nos livrar disso, diz Ian Anderson do Jethro TullCOVID: nunca mais vamos nos livrar disso, diz Ian Anderson do Jethro Tull

Por que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos TrilhaPor que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos Trilha


Stamp

Of The Archaengel: Dark Metal extremamente melódico

Resenha - Extraphysicallia - Of The Archaengel

Por Ben Ami Scopinho
Em 02/05/11

Nota: 8

Certamente muitos dos leitores se lembram do paulistano Lethal Curse, banda que nunca se acomodou artisticamente ao longo de mais de uma década de existência e tem em "Rape The Innocence" (97) um bom exemplo de sua capacidade criativa. Mas foi em 2001 que Alex Rodrigues (guitarra), Paulo Moura (guitarra, teclados) e Pedro Alzaga (bateria) decidiram levar sua música a outros patamares, e é neste ponto que surge o Of The Archaengel.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Se o maior desafio do novo grupo era alcançar a estabilidade em sua formação, isso ocorre com o próprio Alex Rodrigues assumindo as vozes, e recrutando o finlandês Timo Kaarkoski para a guitarra e Lucas Barone para o baixo. Já fazendo parte do cast da gravadora grega Sleaszy Rider, o Of The Archaengel agora está lançando o tão aguardado debut, o magnético "The Extraphysicallia", que chega também às paragens brasileiras via Voice Music.

Ainda que este disco seja de um gigantismo em termos de subgêneros metálicos e elementos góticos, podemos situar sua música no chamado Dark Metal, e extremamente melódico. São nove composições repletas de referências dos mestres do estilo, mas o Of The Archaengel prima pelo bom gosto nas experimentações e consegue criar tantas e variadas atmosferas, melancólicas ou pesadíssimas, que muitas vezes aparecem de forma abrupta e conseguem segurar a atenção do ouvinte durante os mais de 70 minutos de audição.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

"The Extraphysicallia" possui seu conceito baseado no livro "O Abismo", de R. A. Ranieri e orientado pelo espírito de André Luiz, ou seja, um livro espírita, mas com uma narrativa um tanto quanto dantesca. O atormentado repertório está balizado lá em cima, mas ainda assim surgem destaques como "Water Flows Through The Slimy Walls", enriquecida com orquestrações e tendo ninguém menos do que Sakis Tolis (Rotting Christ) contribuindo com sua voz, "Sun Shaped Archangel" e a depressiva "The Silence Of The Dead Things".

E o Of The Archaengel não poupou esforços em sua estreia. O áudio é bastante limpo, sendo que sua masterização ocorreu no estúdio sueco "The Cutting Room" (Amon Amarth, Opeth), além de a arte gráfica ser assinada por Seth Siro Anton (Paradise Lost, Exodus). Nada mal mesmo! "The Extraphysicallia" possui elementos de sobra para atrair o interesse de um público bastante amplo, mas são os admiradores de nomes como Paradise Lost, Opeth ou Lake Of Tears os que têm praticamente como obrigação conferir este registro.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

P.S.: agora, alguém me explique de quem é aquela curiosa mão 'perdida' na foto do encarte, ao lado do baixista Barone!!!

Contato:
http://www.ofthearchaengel.com
http://www.myspace.com/ofthearchaengel

Formação:
Alex Rodrigues - voz
Paulo Moura - guitarra e teclados
Timo Kaarkoski - guitarra
Lucas Barone - baixo
Pedro Alzaga - bateria

Of The Archaengel - The Extraphysicallia
(2011 - Sleaszy Rider Records / Voice Music - nacional)

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

01. Black Raven
02. Water Flows Through The Slimy Walls
03. Ascending Coils To Lead
04. Platino
05. Sun Shaped Archangel
06. With the Dragon´s Hand
07. The Silence Of The Dead Things
08. Consent To The Devilish Fantasies
09. Leaving The Inebriant Well

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metallica: por que 9 entre 10 fãs odeiam Load e Reload?Metallica
Por que 9 entre 10 fãs odeiam "Load" e "Reload"?

Out: os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revistaOut
Os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revista


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.