Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemO clássico dos Rolling Stones que levou mais de 30 anos para ser tocado ao vivo

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemFreddie Mercury revelou em 1985 como foi conciliar carreira solo e o Queen

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemOzzy Osbourne dá sua opinião sobre o streaming e dispara contra Spotify; "É uma piada"

imagemA visão de Arnaldo Antunes sobre sua timidez no período da adolescência

imagemSe vira nos 30: Andre Matos tomou cano de produtor e fez milagre pra agradar fãs


Stamp

Crashdiet: após dez anos, precisando voltar aos trilhos

Resenha - Generation Wild - Crashdiet

Por Felipe Kahan Bonato
Em 09/08/10

Nota: 7

Lançado em 2010, "Generation Wild" é o terceiro disco dos suecos do CRASHDIET, outra banda que revive o "sleaze rock" na Europa. Apesar de somente 10 anos de carreira e de estar em seu terceiro CD, a banda conta com seu terceiro vocalista, Simon Cruz, após o suicídio de Dave Lepard e da saída amistosa do finlandês H. Olliver Twisted, que substituía o finado.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Com tantas mudanças de vocalistas, é inevitável certo tempo para o reajuste, ainda mais quando há alteração no timbre, mesmo que leve. Simon Cruz parece ter a voz mais grave e menos rasgada que a de seus antecessores e talvez por isso tem uma performance insegura em algumas faixas, em que acaba se apegando demasiadamente aos coros - como na faixa título, que mesmo assim é muito boa - ao invés de soltar a voz. Outro erro foi liberar as duas últimas e boas músicas como bônus.

Em relação aos instrumentistas, as composições mantêm o padrão dos outros discos, com a falha de talvez não terem encaixado melhor a boa voz de Simon Cruz, como mencionado. Por outro lado, "Save Her" destoa claramente ao se desviar do hard rock do grupo e flertar com os estilos mais "emotivos" da atualidade. Em "Chemical" e "Bound To Fall" a banda é mais bem sucedida nessa tentativa de modernização.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Apesar disso, é na acelerada "Rebel" - puxada com as motos do MOTLEY CRUE - e em "Native Nature" - que tem o vocalista em seu auge, lembrando SEBASTIAN BACH - que os suecos mostram o caminho a ser seguido. A quase metaleira "Down With The Dust" e a pegajosa "Armageddon", além da bela e mais lenta "Beautiful Pain", são outros bons momentos do álbum.

"Generation Wild" não é um desastre na carreira da banda, mas também não é o melhor CD para aqueles que buscam conhecer o grupo. O CRASHDIET agora precisa amadurecer com seu novo vocalista e posicionar novamente o som da banda. Aos fãs, resta torcer para que Simon Cruz, ótimo vocalista, se fixe e se acomode na banda, para que a mesma possa continuar na crescente e até mesmo se tornar mais conhecida ainda na América do Sul. Afinal, potencial é o que não falta a esses suecos.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Integrantes:
Simon Cruz - vocais
Martin Sweet - guitarra
Eric Young - bateria
Peter London - baixo

Faixas:
1. 442
2. Armageddon
3. So Alive
4. Generation Wild
5. Rebel
6. Save Her
7. Down With the Dust
8. Native Nature
9. Chemical
10. Bound to Fall
11. Beautiful Pain
Bônus:
12. One of a Kind
13. Fear Control

Gravadora: Gain Records

Site oficial: crashdiet.org


Outras resenhas de Generation Wild - Crashdiet

Resenha - Generation Wild - Crashdiet

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp



Sobre Felipe Kahan Bonato

Felipe Kahan Bonato: Nascido em 88, há mais de 10 anos - por enquanto - escuta praticamente qualquer subgênero de rock e metal, explorando principalmente bandas mais desconhecidas. Teve contato tardio com a guitarra, seu instrumento preferido, optando então em seguir a carreira de Engenheiro de Produção e em contribuir esporadicamente com resenhas no Whiplash.

Mais matérias de Felipe Kahan Bonato.