Orphan Project: se desvencilhando com classe dos rótulos

Resenha - Spooning Out The Sea - Orphan Project

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Heh! Algumas bandas realmente conseguem montar um repertório tão curioso que o ouvinte não consegue imaginar o que poderá vir pela frente durante a audição... O Orphan Project começou a tomar forma no ano de 2001, em Maryland (EUA), para estrear com "Orphan Found" dois anos depois. Mas infelizmente o grupo rapidamente encerrou as atividades e seus músicos seguiram com outros projetos.

Slipknot: Veja membros atuais sem máscara

Heavy Metal: 10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhos

Entretanto, em 2008 os mentores Shane Kankford e John Wenger reativam o conjunto com novos músicos e agora está liberando esta viagem musical batizada como "Spooning Out The Sea", um disco com fortes conotações cristãs, que não se limita no momento de compor e, assim, se desvencilha com classe de qualquer um destes rótulos que a mídia criou por aí.

A única certeza é que este é um álbum de Rock´n´Roll. Mas que usa e abusa de elementos acessíveis, quase pop, ao lado de inúmeras ocasiões mais pesadas, demonstrando coerência ao mesclar suas raízes setentistas com arranjos bem contemporâneos, além de sutis tendências progressivas. Assim, não seria equivocado considerar o álbum como uma grande colcha de retalhos. Porém...

... É a capacidade e bom-gosto que o Orphan Project teve em aglutinar tantas influências que possibilitou que a audição de "Spooning Out The Sea" seja tão gostosa. A mescla de Hard Rock com aquele estilo meio delirante de Peter Gabriel, por exemplo, ficou excelente em "Angel Desire". Ou que tal um inesperado coral de crianças na sinfônica "The Battle Rages On"? Ou os pianos de...? Oras, há muitos momentos fortes por aqui...!

Ok, provavelmente parte do público poderá ficar desconcertado com o rumo que algumas canções venham a tomar. Mas, ainda assim, o Orphan Project poderá encontrar muitos admiradores entre o público de Hard Rock e Rock Cristão mais contemporâneo. E, apesar dos vários significados que o termo Prog parece ter adquirido nos últimos anos, talvez até os fãs deste gênero possam vir a apreciar "Spooning Out The Sea".

Contato:
http://www.myspace.com/orphanproject

Formação:
Shane Lankford - voz
John Wenger - guitarra e teclados
Bill Yost - baixo
Scott Spivey - guitarra
Tim Kehring - bateria
Tony Correlli - teclados

Músicos convidados
Tony Correlli - Loops, Programação & Sintetizadores
Scott Spivey e Rob Tahan - guitarra

Orphan Project - Spooning Out The Sea
(2009 / NePlusUltra Music - importado)

01. Reach
02. Angels Desire
03. Fallen
04. To Me
05. One Dark Moment (Providence)
06. My Goodness
07. Head On Your Platter
08. Empty Me
09. The Battle Rages On
10. Spooning Out The Sea




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slipknot: Veja membros atuais sem máscaraSlipknot
Veja membros atuais sem máscara

Heavy Metal: 10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhosHeavy Metal
10 músicas inspiradas em heróis de quadrinhos


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin