Syryn: doses do Hard Rock direto e pesadão do Babylon A.D.

Resenha - Syrym - Syrym

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

7


O leitor que garimpa álbuns de Hard Rock já deve ter ouvido falar do Babylon A.D., banda norte-americana que lançou dois álbuns bem bacanas, respectivamente em 1989 e 1992. Pois bem, o Syrym traz em sua formação dois integrantes deste falecido grupo: o guitarrista Ron Freschi e o baterista Jamey Pacheco, que contataram Jeffrey Winslow para o posto de vocalista e Rich Talley assumindo o baixo, e agora estão lançando seu primeiro disco, auto-intitulado.

Ainda que destile certa vibração contemporânea, é certo que, graças às guitarras de Freschi, "Syrym" não abre mão de boas doses daquele Hard Rock direto, rasgado e pesadão já apresentado pelo Babylon A.D.. Groove e refrãos carismáticos são uma constante, e cada músico tem seu devido espaço, seja com uns riffs explosivos ou melódicos, seja com a seção rítmica mostrando serviço e, principalmente, com Winslow bastante descontraído atrás do microfone, tendo em "Ugly On The Inside" sua melhor performance.

publicidade

Produzido com grande esmero pelo próprio guitarrista, o repertório é agradável e, como não poderia deixar de ser, consegue estimular a nostalgia, principalmente quando chega a vez de "30 & Dirty". E há várias outras composições marcantes, como a agressiva "Warpath", "Torn In Two" e "Alive In The Real World", além de "What I'm Trying To Say" ser a balada que preenche a lacuna praticamente obrigatória em discos do gênero.

publicidade

Mas o mercado fonográfico também anda difícil para os veteranos norte-americanos, tanto que "Syrym" está sendo liberado de forma independente, o que dificilmente beneficiará a banda com maior reconhecimento. De qualquer forma, ainda que esta seja a dura realidade dos novos tempos, este disco merece ser conhecido por quem aprecia Rock´n´Roll que mescla o velho e o novo com muita qualidade.

publicidade

Contato:
http://www.syrym.com
http://www.myspace.com/syrym

Formação:
Jeffrey Winslow - voz
Ron Freschi - guitarra e teclados
Rich Talley - baixo
Jamey Pacheco - bateria

Syrym - Syrym
(2008 / independente - importado)

01. Foul Mouth Blues
02. Warpath
03. Torn In Two
04. Ugly On The Inside
05. Brokedown
06. The Sky Is Falling
07. 30 & Dirty
08. While America Sleeps
09. Alive In The Real World
10. Bring It On (Go Down Fighting)
11. What I’m Trying To Say
12. What I’m Trying To Say (Reprise)

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Music Radar: Os maiores frontmen de todos os temposMusic Radar
Os maiores frontmen de todos os tempos

Mini Iron Maiden: tocando Ghost Of The Navigator na escolaMini Iron Maiden
Tocando "Ghost Of The Navigator" na escola


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin