Matérias Mais Lidas

imagemAs faixas do "Black Album" que James Hetfield e Lars Ulrich não curtem

imagemAs seis músicas do Metallica que Dave Mustaine ajudou a escrever

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

imagemAs 10 melhores versões metal de músicas pop dos anos 1980, em lista da Metal Hammer

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemEdu Falaschi comenta produção "nível banda europeia" da nova turnê e agradece fãs

imagemMax e Iggor Cavalera: setlists, fotos e vídeos de shows na Audio, em São Paulo

imagemJoão Gordo relembra proposta de fazer propaganda de calmante com Dado Dolabella

imagemNando Reis e a linda música que Samuel Rosa dispensou por ter recebido na hora errada

imagemA reação de Jimi Hendrix ao assistir King Crimson ao vivo

imagemSincero, vocalista do Anvil diz que é feliz com o tamanho da banda

imagemAmy Lee escolhe a melhor música do Evanescence para apresentar a banda


Stamp

Reason To Kill: metalcore honesto apesar do dejavu

Resenha - Holographic Memories - Reason To Kill

Por Ben Ami Scopinho
Em 24/05/09

Nota: 8

O holandês Reason To Kill, que andou incendiando os palcos do Brasil pela segunda vez há algumas semanas, está trabalhando de forma incessante desde o comecinho de 2005 e já possui em sua discografia três registros muito bons: o EP "Newborn Tragedy" (06), o CD "Renewing The Chapter" (07) e agora este novo EP "Holographic Memories" (08).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Contando com os novos músicos Geert (baixo) e Koen (bateria), o Reason To Kill novamente mostra sua preocupação em liberar um produto caprichado em todos os detalhes. Dono de projeto gráfico de um sempre bem vindo digipack, "Holographic Memories" apresenta cinco composições em pouco mais de 18 minutos e com todas as características brutais e melódicas do chamado Metalcore.

E os caras são bons nessa proposta, em especial o vocalista Maikel, cujas linhas vocais são extremamente versáteis em sua agressividade cáustica, além de o Reason To Kill ter uma seção instrumental com ótimos grooves, característica muito bem representada logo na abertura "Constrain The Lie". Outra composição que se sobressai é a própria faixa-título, algo mais direta e com vozes de fundo bem bacanas.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Todos sabem como é difícil para as bandas encontrar seu próprio caminho quando algum subgênero fica em evidência – como é o caso da atual cena Metalcore. Então, mesmo não oferecendo surpresas, "Holographic Memories" se revela um EP honesto, ainda que seja permanente aquela sensação de ‘... Já ouvi isso em algum lugar...!’. Bastante recomendado aos fãs de Machine Head, Killswitch Engage e até mesmo Soilwork.

Formação:
Maikel Pijpers - voz
Hans Wijnen - guitarra
Geert Linders - baixo
Koen Bezemer - bateria

Reason to Kill – Holographic Memories
(2008 / independente – importado)

01. Constrain The Lie
02. Lost The Fallen
03. The Becoming
04. I Don´t Care
05. Holographic Memories

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Homepage: www.myspace.com/reasontokill

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

O Suprassumo do Superestimado: os 11 mais (ou menos) nacionais

Iron Maiden: o vocal que quase substituiu Bruce Dickinson em 93


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.