Fear Factory: do Death Metal ao Groover Metal

Resenha - Demanufacture - Fear Factory

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por João Vitor Medeiros
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O Fear Factory era uma banda que já mostrava a que veio com o seu álbum de estréia, "Soul Of A New Machine", um verdadeiro show de peso que só o death metal nos proporciona. E o álbum seguinte? Seria o mesmo death, de novo? Bem... Não!
5000 acessosÔôôôôeeee: Sílvio Santos aprova montagem com Steve Harris5000 acessosSlayer: fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda

O ano era 1995, período em que o heavy metal estava passando por mudanças. O new metal ainda estava de fraldas e o bom e velho thrash metal estava se transformando, graças a bandas como Pantera, Sepultura, Machine Head e Fear Factory, que com petardos como "Vulgar Display Of Power", "Far Beyond Driven", "Chaos A.D.", "Burn My Eyes" e "Demanufacture" moldaram um novo gênero do thrash: o groove metal, caracterizado pela sonoridade moderna, com muito mais raiva, guitarras demolidoras, riffs que grudam como chiclete na cabeça, o que conseqüentemente influenciaria o tal do new metal.

Foi nesse thrash versão anos 90 que o FF mergulhou de cabeça. "Demanufacture" ("produzir em manufatura", num sentido mais aproximado), segundo álbum de estúdio da banda, mescla elementos do dito groove metal com o industrial. O deathgrind executado no primeiro álbum foi sepultado. O grupo mudou quase que radicalmente de estilo. Isso significa menos peso? Mero engano! O que está ali é uma banda madura, que toca com muita garra e muito feeling.

Seis características de Demanufacture:

1) o FF incorpora de vez elementos de música eletrônica nas 11 faixas do álbum, mas sem exagerar ou apelar para o artificial ou sintético - Raymond Herrera , até onde eu sei, não é nenhum cyborg vindo do futuro, programado para tocar velozmente bateria.

2) Burton C. Bell, um vocalista super versátil, com uma voz excelente esbanjando melodia e peso nas canções (a última faixa é de chorar - de emoção!).

3) as guitarras marcantes de Dino Cazares, pesadas como deve obrigatoriamente ser!

4) "e o baixo?" Christian Olde Wolbers entraria posteriormente para a banda, mas as cordas mais graves nas gravações ficaram a cargo de Dino.

5) FF é uma banda obrigatória numa espécie de trilha sonora do futuro, da ficção científica dos filmes hollywoodianos, de animes como Ghost In The Shell e Bubblegum Crisis e de livros de Isaac Asimov (célebre escritor de sci-fi, autor de "Eu, Robô"). Os temas futuristas como tecnologia, ciência e robótica - a luta do homem contra a tirania e opressão da máquina - estão presentes nas letras, de autoria de Burton.

6) músicas de destaque: apenas TODAS.

Por esses fatores "Demanufacture" é um clássico e é o álbum mais importante do FF. Enfim, para se ter na discografia básica de qualquer amante de música pesada e de qualidade, sem dúvida.

FEAR FACTORY - DEMANUFACTURE

1. DEMANUFACTURE
2. SELF BIAS RESISTOR
3. ZERO SIGNAL
4. REPLICA
5. NEW BREED
6. DOG DAY SUNRISE
7. BODY HAMMER
8. FLASHPOINT
9. H-K (HUNTER KILLER)
10. PISSCHRIST
11. A THERAPY FOR PAIN

Formação:
Burton C. Bell: vocal
Dino Cazares: guitarra e baixo
Raymond Herrera: bateria

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Demanufacture - Fear Factory

1260 acessosFear Factory: Os 20 anos de "Demanufacture"2241 acessosFear Factory: Álbum ajudou a moldar o Groove Metal

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Fear Factory"

Rock And Roll Hall Of FameRock And Roll Hall Of Fame
10 bandas elegíveis para 2018

RoadrunnerRoadrunner
Os álbuns mais desprezados de todos os tempos

QuadrinhosQuadrinhos
Top 20 das capas do Rock criadas por artistas do gênero

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Fear Factory"

Mah ÔôôôôeeeeMah Ôôôôôeeee
Sílvio Santos aprova montagem com Steve Harris

SlayerSlayer
Fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda

MetallicaMetallica
Vizinho zoófilo, cocaína e groupies

5000 acessosCapas de disco: como seriam se fossem gifs animados5000 acessosRoger Moreira: resposta bem humorada a "crítica" no Agora é Tarde5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosMegadeth: uma das bandas mais limpas da história do Metal?5000 acessosU2: as 20 músicas mais tocadas da banda no Brasil em 5 anos5000 acessosExtreme: Jack Black e Jimmy Fallon recriam "More Than Words"

Sobre João Vitor Medeiros

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online