Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgiaIron Maiden
Debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgia

Paul Stanley: não consegue cantar Kiss e se arrisca no R&B? Saiba a resposta delePaul Stanley
Não consegue cantar Kiss e se arrisca no R&B? Saiba a resposta dele

Mötley Crüe: Vince Neil e namorada são criticados por foto caçando animaisMötley Crüe
Vince Neil e namorada são criticados por foto caçando animais

Bruce Dickinson: O Iron Maiden é melhor que o MetallicaBruce Dickinson
"O Iron Maiden é melhor que o Metallica"

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Zakk Wylde: ele não abandona a guitarra nem para fazer o número 2Zakk Wylde
Ele não abandona a guitarra nem para fazer o número 2

Metallica: Uma versão de Battery que todo headbanger sempre quis ouvirMetallica
Uma versão de "Battery" que todo headbanger sempre quis ouvir

Guns N' Roses: guitarrista ex-Black Crowes recusou entrar para a banda por duas vezesGuns N' Roses
Guitarrista ex-Black Crowes recusou entrar para a banda por duas vezes

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Timo Tolkki: Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19Timo Tolkki
Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19

Di'Anno: Harris é como Hitler e o Maiden é entediante!Di'Anno
"Harris é como Hitler e o Maiden é entediante!"

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)


Matérias Recomendadas

MTV: experts indicam as maiores bandas de Heavy MetalMTV
Experts indicam as maiores bandas de Heavy Metal

Linkin Park: Qual a relação da morte de Chester Bennington com Chris Cornell?Linkin Park
Qual a relação da morte de Chester Bennington com Chris Cornell?

Metal: 101 motivos para perceber que você ouve há muito tempoMetal
101 motivos para perceber que você ouve há muito tempo

Lemmy Kilmister: A vida dele fazia Keith Richards parecer uma menininhaLemmy Kilmister
A vida dele fazia Keith Richards parecer uma menininha

Cover: 15 bandas que são quase tão boas quanto o originalCover
15 bandas que são quase tão boas quanto o original

Tunecore
Baladas de Sangue

Resenha - Vinland Saga - Leaves Eyes

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fábio Faria
Enviar Correções  

9


Conceber um álbum conceitual que contenha uma narrativa sobre um fato histórico ou mesmo algo ficcional, pode levar um artista a cair em uma armadilha do ponto de vista criativo. Às vezes, o enredo é interessante, mas a forma como a música foi criada não se enquadra perfeitamente no contexto desejado, ou vice-versa. Definitivamente não é o que acontece neste segundo trabalho do Leaves' Eyes, banda da ex-vocalista do Theatre of Tragedy, Liv Kristine, e de seu marido Alexander Krull - que conta ainda com a presença de todos os integrantes do Atrocity.

Ao contrário do primeiro disco ‘Lovelorn’, em ‘Vinland Saga’, os integrantes do Leaves’ Eyes decidiram investir na criação de um conceito que mistura fatos históricos baseados na cultura dos Vikings - povo do norte da Europa - com a história de um casal cujo marido viaja com seus companheiros para descobrir novas terras e deixa a esposa em casa, em uma espera solitária, tendo como elo entre eles uma grande árvore. Bem, goste ou não deste tipo de trabalho, Liv e cia. conseguiram atingir um resultado muito interessante. Visualmente, o clipe para faixa ‘Elegy’ – primeiro single do álbum – dá uma boa resumida na narrativa do álbum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Com a parte conceitual satisfatoriamente criada, a parte musical também é bem sucedida, mostrando uma evolução natural do conjunto. Além do trio guitarra baixo e bateria, foram inseridos instrumentos como violoncelo, violino, pratos sinfônicos, programações e partes orquestradas. Tudo muito bem arranjado, dando a impressão de uma trilha sonora para um filme épico.

É dessa forma que o álbum começa com a faixa-título. Logo em seguida, o metal gótico entra em cena com as ótimas ‘Farewell Proud Men’(excelente refrão) e ‘Elegy’ – com bom potencial comercial. Liv Kristine não precisa se esforçar para deixar claro que figura entre as melhores vocalistas do cenário Goth Metal atual. Em ‘Solemn Sea’, o vocal gutural de Alexander Krull casa perfeitamente com a voz angelical de Liv, dobradinha que se repete com êxito nas canções ‘The Thor’ e ‘New Found Land’, que figuram entre os destaques do CD ao lado das lindas baladas ‘Leaves’ Eyes’ e ‘Mourning Tree’. A veia meio New Age de Liv Kristine, com claras influências da cantora Enya, se manifesta na música ‘Amhrán (Song Of The Winds)’.

A versão nacional de ‘Vinland Saga’, lançada pela Hellion Records, conta com vários bônus: a faixa ‘Heal’, uma nova versão para ‘For Amelie’ – do álbum ‘Lovelorn’ -, além do clipe para ‘Elegy’ e de uma entrevista com Liv, na qual ela aparece caminhando por paisagens belíssimas cobertas de neve – que também ilustram o livreto do CD. Segundo a cantora norueguesa, o inverno de sua terra natal é uma grande fonte de inspiração, principalmente as caminhadas pelos bosques, as noites escuras e as manhãs longas. Ela dá mais detalhes sobre como foi desenvolvido o conceito do álbum, fala das gravações e do tempo demorado para que tudo estivesse completo. Para finalizar, um vídeo intitulado ‘Making Of A Saga’ mostra os músicos em diversos momentos no estúdio.

Track List:
1. Vinland Saga
2. Farewell Proud Men
3. Elegy
4. Solemn Sea
5. Leaves’ Eyes
6. The Thorn
7. Misseri (Turn Green Meadows Into Grey)
8. Amhrán (Song Of The Winds)
9. New Found Land
10. Mourning Tree
11. Twilight Sun
12. Ankomst
13. Heal (bonus track)
14. For Amelie (new version - bonus track)
15. Elegy (video)
16. Interview (video)
17. Making Of A Saga (video)

Site Oficial: http://www.leaveseyes.com/

Material Cedido Por:
Hellion Records
Http://www.hellion.com.br
São Paulo (SP)


Stamp
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Theatre of Tragedy: Liv diz que foi demitida igual a Tarja no NightwishTheatre of Tragedy
Liv diz que foi demitida igual a Tarja no Nightwish

Liv Kristine: Fui forçada a deixar o Theatre of TragedyLiv Kristine
"Fui forçada a deixar o Theatre of Tragedy"


Metal: nomes do gênero que assumiram ser cristãosMetal
Nomes do gênero que assumiram ser cristãos

Nu Com a Mão no Bolso: blog elege as melhores capas com nudezNu Com a Mão no Bolso
Blog elege as melhores capas com "nudez"


Sobre Fábio Faria

"Maidenmaníaco" convicto, nascido em 1973, passou a escutar Rock com 10 anos de idade. Primeiro disco adquirido foi "Destroyer" do Kiss. Logo depois conheceu o álbum "Killers" do Iron Maiden, e a identificação foi instantânea. Curte todos os estilos e sub-estilos do Rock e do Metal. Sem preconceito, escuta desde Black Sabbath, Yes, Janis Joplin, Slayer, In Flames, Sex Pistols até Dream Theater, U2, Blind Guardian, Slipknot, Carcass, etc. Bandas favoritas: Iron Maiden e Beatles.

Mais matérias de Fábio Faria no Whiplash.Net.