Resenha - Fade My Existence - Stormfall

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos


Os cariocas do Stormfall chegam a sua quarta demo, com uma sonoridade fortemente influenciada por bandas como In Flames e Soilwork. Basicamente estamos falando de um death com pitadas heavy e vocais urrados/limpos/agressivos. A banda apresenta 7 músicas neste bom DEMO-CD, com acabamento gráfico acima da média e bem produzido, que transitam do death ao heavy com extrema habilidade.

Legião Urbana: Eduardo e Mônica, uma análise psico-neuróticaSlayer: Kerry King fala sobre sua relação com religiões

"Fade My Existence" é a típica death/heavy com vocais agressivos e mudanças de andamento competentes. Já "u.n. connected" é mais pesada, com a força da bateria de Igor Noronha ditando o ritmo. "A Light of Synthesis" é mais cadenciada, e é séria candidata ao destaque do demo.

Quem pensa que a banda só investe no peso vai se surpreender com a bela "Backlash", que lembra muito os trabalhos do Sentenced (com umas pitadas bem leves de "gothic-metal) e com as heavies "1000 Latitudes" e "Solid", aonde se destaca as boas guitarras de Gustavo Sazes e Alessandro Peçanha. "Ionic Rain" encerra a demo de forma elegante, com uma levada bem a lá Black Sabbath.

Posso afirmar sem medo que o Stormfall já atingiu sua maturidade musical e conseguiu construir um estilo coeso e sólido. Agora só falta o cd. E que saia logo.

Line Up:
Pedro De La Rocque - Vocais
Gustavo Sazes - Guitarras/Vocais
Alessandro Peçanha - Guitarras
Raphael Noruega - Baixo
Igor Noronha - Bateria

Contato:
Http://www.stormfall.org
Gustavo - (21)24157978




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Stormfall"


Legião Urbana: Eduardo e Mônica, uma análise psico-neuróticaLegião Urbana
Eduardo e Mônica, uma análise psico-neurótica

Slayer: Kerry King fala sobre sua relação com religiõesSlayer
Kerry King fala sobre sua relação com religiões

Rock In Rio I: Pra quem tem menos de quarenta anos fica difícil imaginarRock In Rio I
Pra quem tem menos de quarenta anos fica difícil imaginar

História do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatosHistória do rock
Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

Excessos: como os rockstars gastam os seus milhõesExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

Progressivo: análises exemplificando a guitarra progressivaProgressivo
Análises exemplificando a guitarra progressiva

Slash: quando foi gravado o single Shadow Of Your LoveSlash
Quando foi gravado o single "Shadow Of Your Love"


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.