Matérias Mais Lidas

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemA inteligente estratégia de Prika para não perder gravadora na ruptura da Nervosa

imagemConheça o guitarrista brasileiro de 16 anos que estará no próximo clipe do Megadeth

imagemBeatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemSons of Apollo une carisma e técnica em show no Rio com direito a piada de Mike Portnoy

imagemSteve Grimmett: vocalista do Grim Reaper morre aos 62 anos

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemAs 10 músicas mais estranhas do Guns N' Roses, em lista do Ultimate Classic Rock

imagemDream Theater: confira possível setlist dos shows da banda no Brasil

imagemAs 10 melhores músicas "lado b" da carreira solo de Dio, em lista do Metal Injection

imagemCinco músicas lançadas após o ano 2000 que se tornaram clássicos do rock - Parte III

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado


Stamp

Resenha - Free Live - Free

Por Ben Ami Scopinho
Em 24/12/04

Formado em 1968 por Andy Fraser (baixo), Simon Kirke (bateria), Paul Kossoff (guitarra) e Paul Rodgers (voz), Free foi mais uma das grandes bandas britânicas surgidas nos anos 60 e a razão de seu sucesso era o blues pesadão que tocavam com muita paixão.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Lançado em 1971, Free Live é o quinto trabalho da banda, sendo o primeiro ao vivo, que vem registrar a atuação do conjunto em sua melhor fase criativa, numa compilação das melhores faixas tocadas em uma apresentação no Croydon Fairfield Hall.

O disco já começa com seu maior hit, "All Right Now", passando por "I´m A Mover", "Be My Friend" (nada me tira da cabeça que esta canção é o embrião da música "Bad Company", do primeiro álbum da banda BAD COMPANY, formada anos depois), as espetaculares "Fire And Water" e "Ride On Pony", que tem grande impacto junto ao público. Mas o ponto alto realmente fica em "Mr Big", com um ótimo solo de guitarra de Kossoff, onde em seguida entra Fraser solando longamente seu contrabaixo junto com a música, até seu final. E o público vai ao delírio! Segue com a mais bluesy, "The Hunter", e o disco termina com a inspirada balada "Get Where I Belong". Esse Free Live alcançou a 4ª posição no Reino Unido, se transformando numa grande lembrança aos fãs da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após este ao vivo, Free, depois de uma série de problemas, onde membros saem, formam-se projetos paralelos, conseguem lançar ainda dois trabalhos sem muita expressão, novamente a formação se altera, formam-se mais projetos, dos quais o que realmente se destacou foi o Bad Company, que lançou vários discos de grande sucesso comercial, ofuscando até mesmo o brilho do antigo Free.

Observando com atenção sua música, podemos perceber o quanto o AC/DC bebeu na fonte desta banda...

Free "Live" - Island Records – 1971

All Right Now
I'm A Mover
Be My Friend
Fire And Water
Ride On Pony
Mr Big
The Hunter
Get Where I Belong

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Discografia:
Tons of Sobs - 1968
Free - 1969
Fire and Water - 1970
Highway - 1970
Free Live -June 1971
Free at Last - May 1972
Heartbreaker - January 1973

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Hit Parader: Os maiores vocais do Heavy Metal segundo a revista

Pré-Clube dos 27: 10 astros do rock que morreram antes dos 27 anos

Queen: Paul Rodgers relembra de sua "insana" experiência com a banda

Metallica: a letra que fez Hammett e Hetfield chorarem

Slash: por que ele usa óculos escuros o tempo todo?


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.