Resenha - Definitivo - Maximiliano Santiago

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Site Oficial – http://www.maximilianosantiago.com
5000 acessosBlack Sabbath - Perguntas e Respostas5000 acessosSeparados no nascimento: James Hetfield e Mano Menezes

“Definitivo” de Maximiliano Santiago é um lançamento raro, na verdade, o único de sua ‘espécie’. Um debute póstumo, no todo da expressão, explicado pelo desejo de todos os envolvidos em realizá-lo, e sustentado por um talentosíssimo artista, ao qual, infelizmente, já ouvimos de luto.

Acompanhando o guitarrista nas acuradas gravações estão: João Saravia (bateria) e Luiz De Simone (piano e teclados) - ambos da banda carioca de metal progressivo Sigma 5 - e também Paulo Andrade (baixo). Estes e outros músicos creditados no encarte têm, sem dúvida, participação essencial no álbum, tanto pela dedicação e alta qualidade, quanto pelo suporte nos arranjos e composições. Neste caso, em especial, De Simone.

As nove músicas presentes no disco estão abençoadas por um dos maiores nomes da história da guitarra; grande mestre e inspiração de Max, Steve Vai. Detentor de uma escuta muito mais apurada do que a deste que vos fala, cito-o aqui, em ipsis litteris, a partir de declaração dada pelo mesmo em entrevista que tive a sorte de realizar: “É raro ouvir um artista independente com todos os elementos que são necessários para ser um verdadeiro profissional. Max me parecia ser um artista bastante dedicado e sua música, um trabalho de amor. É uma tragédia que ele não tenha tido a oportunidade para explorar seu potencial, já que eu acredito que ele poderia ter sido muito bem sucedido.”

À época da entrevista, publicada na revista Roadie Crew, o lançamento do álbum era ainda um grande sonho. Hoje, uma realidade, e prova de uma destreza musical irrefutável, um talento que preza a variedade, em músicas dinâmicas, outras sentidas, e algumas com um ‘humor’ intrínseco incomum ao tratarmos de rock / metal. Indiscutivelmente um “trabalho de amor”.

Material cedido por:
Rock Symphony – http://www.rocksymphony.com
Caixa Postal 100.367
Niterói – RJ – Brasil
CEP: 24001-970
Tel / Fax: +55 21 2621-6814
Email: leo@rocksymphony.com

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Maximiliano Santiago"

Black SabbathBlack Sabbath
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
James Hetfield e Mano Menezes

Tarja TurunenTarja Turunen
A agressão de um fã durante show no México em 2000

5000 acessosMMA: os lutadores que curtem Rock e Heavy Metal5000 acessosRita Lee: Ela participou de suruba com o Yes e furtou a cobra de Alice Cooper5000 acessosEm 11/05/1981: Bob Marley morre, vítima de um tumor no cérebro3881 acessosNirvana: goleiro Peter Cech, do Arsenal, em cover de "In Bloom"4873 acessosSofrência: E se as bandas de rock dos anos 80 resolvessem tocar Pablo?5000 acessosAtaque em Paris: Veja vídeos da fuga no início do massacre

Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online