Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metalIron Maiden
Por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metal

Nightwish: Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sairNightwish
Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sair

Eduardo Costa: ele diz que se inspirou em Cazuza e Renato Russo para sertanejo políticoEduardo Costa
Ele diz que se inspirou em Cazuza e Renato Russo para sertanejo político

Kerrang!: As 50 canções mais do mal em todos os temposKerrang!
As 50 canções mais "do mal" em todos os tempos

Dave Mustaine: ele vendia drogas para a irmã de Dino Cazares, do Fear FactoryDave Mustaine
Ele vendia drogas para a irmã de Dino Cazares, do Fear Factory

Capital Inicial: comercial com Dinho Ouro Preto na final do BBB 21 é criticado na webCapital Inicial
Comercial com Dinho Ouro Preto na final do BBB 21 é criticado na web

Greta Van Fleet: Regis Tadeu se rendeu ao talento da banda? (vídeo)Greta Van Fleet
Regis Tadeu se rendeu ao talento da banda? (vídeo)

Marilyn Manson: modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em pactoMarilyn Manson
Modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em "pacto"

Cannibal Corpse: Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciouCannibal Corpse
Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciou

Black Sabbath: as músicas com as melhores atuações do lendário Bill Ward, pela KerrangBlack Sabbath
As músicas com as melhores atuações do lendário Bill Ward, pela Kerrang

Ozzy Osbourne: quem é o Deus do Rock para o Madman?Ozzy Osbourne
Quem é o Deus do Rock para o Madman?

Twisted Sister: cancelaram Gary Glitter, mas não Michael Jackson, diz Jay Jay FrenchTwisted Sister
"cancelaram Gary Glitter, mas não Michael Jackson", diz Jay Jay French

Judas Priest: Rob Halford fala sobre saudade das tours e novo álbumJudas Priest
Rob Halford fala sobre saudade das tours e novo álbum

The Cure: Robert Smith aponta suas 30 músicas prediletas da década de 80The Cure
Robert Smith aponta suas 30 músicas prediletas da década de 80

Rafael Bittencourt: Paulo Gustavo uniu esquerda, direita, pobre, rico com seu talentoRafael Bittencourt
"Paulo Gustavo uniu esquerda, direita, pobre, rico com seu talento"


Stamp
Korzus
Edu Falaschi - Vera Cruz

Resenha - Where Moth and Rust Destroy - Tourniquet

Por Leandro Testa
Em 28/09/03

Eles insistem no pitoresco. Rompem com o convencional. Fazem questão de serem diferentes, e eu adoro lances assim: loucos, insanos, empolgantes, principalmente se o caso em pauta tiver acabado de receber a contribuição do semideus Marty Friedman. Grande amigo, o ex-Megadeth topou fazer 90% dos solos, rachando também a primeira guitarra com Bruce Franklin (Trouble), no que injetou melodia, feeling e etc, algo que o antigo dono do posto (que resolveu deixá-lo às vésperas das gravações) nem sempre acertava a mão (pelo menos, não desta forma...).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um esquema legal que em nada perdeu com a saída de Aaron Guerra, foram as sempre eficientes bases, as quais já costumavam ficar por conta do baterista/líder/fundador/co-produtor e multitarefas Ted Kirkpatrick naquilo que ele compunha (nada mais que praticamente todo o material), quando também dava uma de baixista na falta de um (esse entende!!!). Desta feita, o sujeito até se aventura em usar um artefato grego de oito cordas chamado bazuki, que soa como uma mistura de banjo/cítara, na introdução da magnífica "Healing Waters of the Tigris", remetendo ao próprio tema babilônico de que trata a letra.

É nesta que os fãs mais saudosistas terão seu breve momento de recordação, afinal, deve ser humanamente impossível ficar indiferente à agressividade bem no seu miolo, evocando os primórdios da banda. Não é à toa que ela já foi (ou ainda é) chamada de "Christian Progressive Thrash Metal" (escute "Convoluted Absolutes’ aos 3 minutos para crer), e a partir do álbum anterior, pôde-se incluir aí um outro adjetivo: ‘classical’.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

São unicamente nessas intervenções que Where Moth and Rust Destroy acabou ficando pra trás (bem como na duração - 1h), pois agora estas se revelaram extremamente deslocadas no meio da já suficiente ‘esquisitice’. A questão é que Microscopic View of a Telescopic Realm (2000) teve excelentes idéias (algumas geniais, como o impressionante riff principal da faixa de abertura), mas não foi tão consistente quanto este, que traça uma seqüência natural, pura e simples, partindo do ponto em que o antecessor deixou, que de repente pode até agradar quem torceu o nariz para tanta ‘doidera’, por se tratar de um passo a frente (talvez pouco para quem demorou exatos três anos).

Ou seja, para quem proclama nunca querer se repetir, os americanos até que não foram tão fundo dessa vez, e mantiveram uma sonoridade muito próxima, quase uma continuação se comparados ao ‘groove’ de Vanishing Lessons (1994), que mudou bruscamente para a ‘piração’ penitente e agonizante, o sofrimento contido de Crawl to China (1997).

È claro que ainda se mantém uma pequena relação, como em "In Death We Arise", que fecha o CD no limite de um clima ‘doom’, mal se ouvindo o cantor, que ‘sorumbaticamente’ declama palavras abaixo da distorção e de um violino, aí sim muito bem encaixado, lindo e necessário.

Essencialmente quebrado, a palavra que bem resume isso é "imprevisibilidade" e se o leitor não quer nada que demande sucessivas audições, terá certa dificuldade em assimilar o material. Inicialmente eu daria uma nota 8, contudo, depois de meses de audição, queria ser bem justo e dizer que mais merece um 9.

Gerou dúvida, pensando única e exclusivamente em você, pois o vocalista Luke Easter não é do tipo que agradará a todos. Ele adota três seguimentos básicos: um mais normal, às vezes calmo e sussurrado ou bem grave e rouco, que são OK; outro desesperado, não raro acompanhado de ‘backings’ hardcore e o predominante, um tanto enjoado, digamos, "ardido", de vez em quando parecendo debochado ou um Johnny Gioeli (Hardline, Axel Rudi Pell) meio lunático e afetado, só que perfeitamente ‘acostumável’ (podia ter imitado o Ozzy novamente), pois, assim como as músicas longas, de variações mil, precisa de um tempo de maturação para os menos ecléticos (o antigo ‘frontman’, que ficou até ’93, também ora seguia uma linha Tim ‘Ripper’ Owens [ex-Judas], ora Lemmy [Motorhead]... vai entender!!!)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O que eu igualmente não consigo decifrar é como um crítico, que se diz da "imprensa especializada", "profissional do meio roqueiro", tem as manhas de dar um 8 para o penúltimo lançamento, enchendo a bola, e um 4 para este (a METADE?!?!?), metendo a boca, mesmo tendo imperado o alto nível instrumental. Não dá para confiar, nem acreditar que já lhe encheu a paciência, porque, por enquanto, essa desculpa só serve para os estilos há muito malhados. Quem sabe seja mais fácil manipular do que agir com sinceridade.

Meu conselho? Tire suas próprias conclusões...

Website oficial: www.tourniquet.net

Material cedido por:
Metal Blade Records Inc. USA - www.metalblade.com
2828 Cochran St. Suite 302 Simi Valley, CA 93065
Hotline: +1 805-522-7548
Email: [email protected]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Pentral
MOPD
Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos


Sobre Leandro Testa

Colaborador sem descrição cadastrada.

Mais matérias de Leandro Testa no Whiplash.Net.