Resenha - Suicide By My Side - Sinergy

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Alexandre Avelar
Enviar Correções  


Quem já não aguenta mais essas vocalistas de metal melódico que estão mais para ópera do que pra rock'n'roll, e ainda vem crítico elogiar a "voz de fada" da dita cuja, precisa urgentemente ouvir o Sinergy, que tem em Kimberly Goss uma verdadeira vocalista de HEAVY METAL, ou seja, que canta com a agressividade que o estilo demanda.

Quanto ao disco "Suicide By My Side", lançado no Brasil em 2002, posso dizer que não é melhor nem pior que os dois antecessores, apenas mantém o padrão de qualidade, o que não quer dizer que seja repetitivo.

publicidade

O estilo é um heavy metal oitentista que lembra Iron Maiden dos primórdios em algumas passagens, sendo que a banda gravou até um cover para "The Number Of The Beast", que ficou bastante fiel à versão original. A única música que destoa é "Shadow Zone", que tem elementos operísticos misturados com death metal, estilos que não me agradam. As outras nove faixas (fora o cover do Iron, que vem como bônus) são excelentes, tornando esse CD altamente recomendável.

publicidade


Outras resenhas de Suicide By My Side - Sinergy

Resenha - Suicide By My Side - Sinergy

Resenha - Suicide By My Side - Sinergy




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Johnny Ramone: Não era bom abrir o show do Black SabbathJohnny Ramone
"Não era bom abrir o show do Black Sabbath"

Rob Halford: Uma resposta educada a comentários de DickinsonRob Halford
Uma resposta educada a comentários de Dickinson


Sobre Alexandre Avelar

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

WhiFin WhiFin