Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemRoger Daltrey revela a música "amaldiçoada" que o The Who não toca mais ao vivo

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemAngra: Quantos shows seguidos a voz aguenta sem restrições? Fabio Lione responde

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemDo Ozzy ao Slayer: veja os momentos mais metal do desenho South Park

imagemEvanescence anuncia a saída da guitarrista Jen Majura

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemA visão de Arnaldo Antunes sobre sua timidez no período da adolescência

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemComo CDs e MP3s decepcionaram Jimmy Page

imagemOzzy Osbourne dá sua opinião sobre o streaming e dispara contra Spotify; "É uma piada"

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield


Stamp

Resenha - Pronounced êat-shït - Raging Slab

Por Marcos A. M. Cruz
Em 20/03/03

Nota: 9

Incrível como mesmo nos dias atuais muitas bandas interessantes mundo afora são completamente desconhecidas aqui no Brasil, mesmo já tendo uma longa carreira e um certo reconhecimento nos meios roqueiros.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

É o caso do RAGING SLAB, formado em 1985, sempre girando em torno do casal Greg Strzempka e Elyse Steinman, e que chega ao seu décimo trabalho, trazendo como de praxe uma mistura de Rock Sulista americano com boogie, temperado com boas pitadas de blues e regado a riffs poderosos de guitarra.

Porém, ao contrário dos discos anteriores, onde esta mistura estava mais calcada no peso dos riffs, a ponto de terem sido descritos no passado como "uma mistura de LYNYRD SKYNYRD com METALLICA", desta vez a ênfase maior está nas raízes blueseiras do grupo, com uma certa levada a la ZZ TOP, principalmente em "Boogalooser", "Miss Delicious" e "Hell Yawns Before Mine".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A influência de Gibbons & Cia prossegue em "Chrome Won't Get You Home", "Never Never Know" e "When The Cock Crows", porém estas trazem um trabalho de guitarra mais pesado, o que os aproxima bastante das bandas de Stoner Rock mais ortodoxas.

Há ainda "Black Bell", um delicioso boogie com um trabalho monstruoso de slide, e as baladinhas "Bury Me Deep", "For What You're Worth" e "Shake What You Can", esta última bem ao estilo BLACK CROWES.

Para completar, uma versão de "Little Red Lights" de TODD RUNDGREN e duas homenagens: "Ruby" e "Dry Your Eyes", respectivamente para Ruby Starr (aka Connie Little, lendária cantora americana falecida em 1995) e Joey Ramone.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Digno de menção é a capa, "inspirada" no clássico trabalho de estréia do já citado LYNYRD SKYNYRD, uma das grandes influências confessas do grupo - impossível uma embalagem destas trazer um recheio que não valha a pena...

(P.S.: Caso queira conhecer alguma coisa da banda, estão disponíveis no website oficial alguns MP3 para download).

Faixas:
Little Red Lights
Boogalooser
Ruby
Miss Delicious
Dry Your Eyes
Hell Yours Before Me
Black Bell
Chrome Won't Get You Home
Shake What You Can
Never Never Know
When The Coch Crews
Bury Me Deep
For What You're Worth
total time: 49:47

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Formação:
Greg Stryempka (guitarra, vocal, banjo, órgão, clavinete)
Elyse Steinman (guitarra 'slide', vocal)
Alec Morton (baixo)
Rob Cournoyer (bateria)

Site oficial: www.ragingslab.com.

Material cedido por Tee Pee Records - www.teepeerecords.com.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Marcos A. M. Cruz

Fanático por rock setentista.

Mais matérias de Marcos A. M. Cruz.