Resenha - Hollyweird - Poison

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Quem diria que os norte americanos do Poison conseguiriam retornar a ativa? Os problemas pessoais após a bem sucedida tour do álbum "Flesh and Blood" foram tão agitados, que nem os cd’s seguintes ("Native Tongue – um bom cd, mas um tanto diferente da sonoridade rock do Poison, e o quase que não lançado "Crack a Smile – outro bom cd) deram estabilidade à banda, que só começou a levantar-se quando trouxe de volta para suas fileiras o excelente guitarrista C.C. De Ville e lançou o cd "Power to The People", um mixto de faixas ao vivo e inéditas.

publicidade

Mas eis que agora eles voltam com tudo com esse excelente "Hollyweird". Pela capa você já saca: é hard rock na praia. A faixa título, que abre o cd, é nada mais que fantástica: um hard cativante, com riffs de guitarras cortantes e o vocal correto de Brett Michaels. De longe uma candidata a hit. As faixas seguintes, "Squeeze Box" e "Shinning Star", mantém o pique, com tudo o que consagrou a banda - o famoso "glam rock" - um mixto de rock pesado com pitadas pop.

publicidade

Não há nada para criticar nesse cd: o mesmo vêm sem nenhuma balada, o que em se tratando de Poison é algo raríssimo, a não ser pelo começo de "Stupid, Stored and Dumb", que descamba para um hard de alto nível. O vocal de Brett está afiadíssimo, assim como as guitarras de C.C., que realmente mostra-se um bom músico. Não cometerei o erro de compará-lo a Richie Kotzen ou Blues Saraceno, mas ele dá conta do recado com excelência.

publicidade

Destaques? Todas as faixas merecem destaque. "Home" aparece em duas versões, uma cantada e escrita por Brett e outra cantada e escrita por C.C., muito legais. Quer uma dica? Comece a ouvir esse cd pela última faixa, a bônus "Rockstar", aonde os caras se reafirmam como Rockstars e mandam num hard pesado cujo refrão lembra muito Motley Crue (outra banda do mesmo calibre) e duvido que o mesmo não grude em sua mente.

publicidade

De longe um ótimo cd, e o melhor da banda.

Lançado nos EUA pela Cyanide Records.


Outras resenhas de Hollyweird - Poison

Resenha - Hollyweird - Poison




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Poison: Slash comenta como foi a audição para a bandaPoison
Slash comenta como foi a audição para a banda

Cornos do Rock: a dor e o peso do chifre em três belas cançõesCornos do Rock
A dor e o peso do chifre em três belas canções


Trollagem: quando as bandas decidem zoar com o playbackTrollagem
Quando as bandas decidem zoar com o playback

Planet Rock: As músicas com os melhores solos de guitarraPlanet Rock
As músicas com os melhores solos de guitarra


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin