Resenha - Shattering Blow - Mindfreak

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar Correções  

6


Há alguns meses atrás, antes mesmo de receber o CD do Mindfreak, li algumas críticas severas e relativamente negativas em relação à banda. Percebo que houve um considerável mal entendido. Pelos textos, fica visível a procura por progressivo onde não há, pois a banda brasileira mistura metal técnico, tradicional e, em algumas passagens instrumentais, até lances de death / thrash.

publicidade

São inegáveis a simplicidade na produção e uma série de acertos, os quais o grupo terá de fazer se quiser seguir em frente. Os timbres soam como equipamentos dos anos 80, quando do debute do WatchTower, abrindo as portas ao tecnicismo no estilo. Além disso, o vocalista, Fabiano Negri, apesar de demonstrar dotes excelentes como compositor, desagrada com suas melodias e alcance, por vezes alto, mas sem qualquer potência.

publicidade

O instrumental varia entre as vertentes já citadas e é levado sempre com consistência e precisão, incluindo ótimos solos de guitarra, e criativas linhas de baixo. A bateria é realmente interessante, pois direciona as alternâncias de forma bem rápida, sem rodeios, dando lógica ao nome do conjunto.

O Mindfreak poderá render bons frutos em breve, especialmente se seu foco, daqui para frente, for o metal técnico. Uma mudança nos vocais também é bem vinda e daí em diante, é só fazer festa, já que categoria e musicalidade eles provaram que têm.

publicidade

Formação:
Fabiano Negri (Vocais)
Quizzy (Guitarra)
Ricardo Consulin (Baixo)
Eduardo Felgar (Bateria)

Material cedido por:
Megahard Records / Progressive Rock Worldwide – http://www.progressive.com.br
Caixa Postal: 41.698 / São Paulo / 05422-970 / Brasil
Tel: (0xx11) 3224-0709
Fax: (0xx11) 3224-8297
Email: [email protected]

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rolling Stone: As 500 melhores músicas segundo a revistaRolling Stone
As 500 melhores músicas segundo a revista

Slayer: Araya fala sobre fé e sua relação com o cristianismoSlayer
Araya fala sobre fé e sua relação com o cristianismo


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin