Resenha - Master Control - Liege Lord

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

Site Oficial - http://www.liegelord.com

Joseph Comeau (Vocais)
Paul Nelson (Guitarras)
Tony Truglio (Guitarras)
Matt Vinci (Baixo)
Frank Cortese (Bateria)

Foi ótima essa idéia de remasterizar e relançar os clássicos álbuns do Liege Lord. A banda é de inegável importância para o heavy metal tradicional e para o que, hoje, chamamos de power metal.

"Master Control", lançado originalmente em 1988, é um clássico, um marco na história do metal. Os riffs pesados, o vocal 'poderoso' de Joseph Comeau e os excelentes Paul Nelson e Tony Truglio fazem a diferença, caracterizando o som da banda.

Esse relançamento é um grande presente aos fãs da banda e do estilo por ela tocado. O álbum é incrível, recheado de riffs marcantes como o de "Eye Of The Storm" e de solos de guitarra sempre muito bem tocados, sem exageros, na medida certa. Aliás, esse é um ponto importante, pois várias bandas no estilo do Liege Lord apresentavam/apresentam solos de guitarra fraquíssimos, sem a mínima noção de técnica ou composição. Desta forma, os solos de Paul e Tony ganham ainda mais importância, pois além de apresentarem uma boa técnica, são criativos e bem compostos.

Matt Vinci é um bom baixista e Frank Cortese faz seu trabalho de maneira correta, sem comprometer.

São 10 petardos que provavelmente farão MUITO bem aos ouvidos dos fanáticos por heavy metal.


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Liege Lord"


Show de Rock: as diferenças entre os anos 80 e 2010Show de Rock
As diferenças entre os anos 80 e 2010

Saúde: bater cabeça pode causar danos ao cérebroSaúde
Bater cabeça pode causar danos ao cérebro


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336