Matérias Mais Lidas

imagemCinco músicas que são covers, mas você certamente acha que são as versões originais

imagemOs únicos quatro assuntos das conversas nos EUA que enchiam saco de Fabio Lione

imagem"Ninguém imaginava que o Metallica seria maior que o Iron Maiden", diz Scott Ian

imagemO baterista que não tinha técnica alguma e é um dos favoritos do Regis Tadeu

imagemRock in Rio 1991, Maracanã lotado, e o Guns N' Roses ameaçou não subir ao palco...

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemDave Mustaine diz que perdoa Ellefson, mas nunca mais fará música com o baixista

imagemAndreas Kisser pede doação de sangue para sua esposa Patricia

imagemSupla explica por que fala sempre misturando português com inglês

imagemAC/DC: Angus Young comenta a capa de "Highway to Hell" e a morte de Bon Scott

imagemNoel Gallagher sobre sua preferida do Pink Floyd: "Adoraria conhecer Roger Waters"

imagemDave Mustaine quis tirar foto com moça que usava vestido do Megadeth, mas...

imagemCopa do Mundo do Rock: uma banda de cada país que vai disputar a Copa do Catar

imagemJohn Frusciante responde qual foi o motivo de seu retorno ao Red Hot Chili Peppers

imagemTecladista dos Rolling Stones revela se Richards e Jagger se dão bem hoje em dia


Stamp

Ankerkeria: death metal contra todas as formas de intolerância.

Por Ricardo Cunha
Fonte: Esteril Tipo
Em 15/08/17

publicidade

Banda de Death Metal formada em meados de 2010 na cidade de Fortaleza/CE, por Joice Lopes (vocalista), Deivde Souza (baterista). Atualmente, a banda conta com os seguintes integrantes Joice Lopes (vocal), Alexandra Castro (The Knickers (baixo)) e Victor Valentine (guitarra). Com influências de bandas como Behemoth, Cannibal Corpse, Morbid Angel, Autopsy, Aborted, Bloodbath, Blood Red Throne, Immortal, Vader, entre outras, a banda apresenta em suas letras uma crítica à religião se posicionando abertamente contra todas as formas de intolerância.

Em março de 2016 a banda lançou o seu primeiro clip, "Blessed Be Thy Shame", que chamou bastante atenção pela sua produção e simbologia, e em agosto do mesmo ano, lançou o segundo, "Trace Of Disgrace", gravado no Festival Forcaos  2016.

Em tempos de exacerbação das individualidades, um dos fatos que mais chama atenção para a banda é a presença de duas mulheres em sua line up, que tem no vocal de Joice, o núcleo da sua estrutura sonora. O instrumental que, bem amparado por linhas de bateria e de baixo tecnicamente coesas,  é moderno e pesado. Os riffs, que são altamente cortantes, demonstram de forma ímpar às influências citadas pelo grupo. 

Atualmente, a banda, que é uma das revelações do metal alencarino, está em processo de gravação do seu primeiro CD. Aguardamos o disco para futura resenha, bem como, atualizações sobre as atividades da banda!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

In-Edit
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Ricardo Cunha

Editor no site Esteriltipo - Marketing de Conteúdo.

Mais matérias de Ricardo Cunha.