RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemLed Zeppelin e a bateria que ninguém acreditava que um ser humano conseguiria tocar

imagemJovens sem noção vandalizam o lugar da capa de estreia do Black Sabbath

imagemRegis Tadeu e os cinco grandes vocalistas que o mundo do Rock não dá valor

imagemArch Enemy e Behemoth tocarão no Brasil em novembro; confira datas e locais

imagemJô Soares comprou uma obra de arte do Rock por causa do Regis Tadeu

imagemLars Ulrich sobre "Fade to Black": Frequentemente sinto haver dois Metallicas

imagemO curto e grosso motivo pelo qual Zappa vetava que seus músicos usassem coisas químicas

imagemA curiosa ligação vocal entre Ney Matogrosso e Andre Matos, segundo Bruno Sutter

imagemFãs detonam produção do Knotfest após anúncio do Pantera

imagemJoão Gordo explica porque Anitta está fazendo o que as bandas de Rock deviam fazer

imagemDee Snider diz que faliu na década de 1990 e fingia ser outra pessoa

imagemA música do Metallica que James não queria apresentar aos outros integrantes

imagemO carinhoso jeito de Axl Rose se desculpar com sua equipe pelo seu jeito imprevisível

imagemFilme que conta a história de Dio será exibido nos cinemas em setembro

imagemAmy Lee surpreende ao escolher os melhores cantores (e cantoras) de todos os tempos


2022/08/18
Stamp

The Who: 45 anos de propaganda irônica na pirataria britânica

Por Cauê Del Valle
Em 27/11/12

O humor sempre foi uma das principais marcas do The Who. As excentricidades de Keith Moon e o temperamento explosivo de Townshend, sempre foram combustiveis indispensáveis, para formatar a personalidade do quarteto britânico. Fluindo disso, o Who, sempre teve uma alegria fantástica. Grande parte disso, pode ser sentido, através do clássico The Who Sell Out.

O ponto principal do sucesso desse disco, com certeza, foi a idéia que Pete teve de criar anúncios fictícios e sutilmente introduzi-los nas faixas do disco, que posteriormente seria lançado através da extinta, Radio London (rádio pirata que em seu tempo de atividade, atraiu uma legião de aproximadamente, 25 milhões de pessoas que sintonizavam a rádio diariamente.) O tempo mostrou, que de fato, se trata de um dos grandes clássicos do rock, mas que perdeu um pouco de sua força histórica, por ter sido lançado em 1967, um ano emblemático pro rock, devido aos lançamentos, do Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band dos Beatles e Are You Experienced? de Jimi Hendrix.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Um das marcas principais desse disco é mente irônica e criativa de Pete, que assinou praticamente todas as faixas.

A idéia inicial foi mostrar como a sociedade contemporânea estava cada vez mais consumista, e claro, alfinetar as grandes marcas, que tornavam esse consumo, desenfreado.

Consistia em jingles, que seriam colocados na programação da famosa Radio London, onde se venderiam produtos de todos os tipos: desodorante que faria sua transpiração virar inspiração (Odorono), propaganda de feijão (Heinz Baked Beans), creme para acne (Medac) e etc...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A radio London foi uma importante divulgadora dos novos grupos de rock britânicos. Segundo Daltrey , "o rock and roll na Inglaterra não teria existido, sem ela." A idéia da rádio era ousada e ao mesmo tempo simples: como a BBC era a emissora mais forte e controlava quase todas as estações do Reino Unido, a radio London ficava dentro de um barco que circulava pelo rio Tâmisa, fora da jurisdição legal da BBC, e tocava os compactos dos novos grupos, com um excelente alcance e qualidade sonora. Surge ai a Rádio Pirada.

Lançado em 2009, o filme The Boat That Rocked, ou no Brasil Os Piratas do Rock, retrata essa época e como se deu o nascimento da lendária estação de rádio.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Segundo Entwistle, boa parte dos comerciais, foram gravados no Kingsway Studios, em Londres.

A fundo, a visão que Pete gostaria que fosse sentida, era a importante influência das rádios, nas gerações dos anos 50 e 60. Kit Lambert e Chris Stamp haviam tido a idéia de criarem um álbum que lembrasse as rádios piratas inglesas e uma rádio comercial da América, um estilo de vida destruído pelo emergente estilo de vida hippie. E aí nascia a verve cínica e bem-humorada do grupo.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

As gravações aconteceram aos pedaços, entre maio e novembro de 1967, em Los Angeles, Nova York e a maior parte, em Londres.

O disco abre com a estonteante "Armenia City in the Sky", de John Keene, um velho amigo de Pete e que dividiu os vocais com Roger. Keene faria parte, mais tarde, de um grupo criado por Townshend, Thunderclap Newman.

A canção abre com uma abertura de rádio até entrar com um abertura lisérgica de Pete, preenchidas por um belo naipe instrumental. A seguida vem "Heinz Baked Beans", de Entwistle. A seguir entra uma canção que remete um pouco aos primeiros compactos dos Byrds, "Mary Anne With The Shaky Hands".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Um dos grandes momentos é a "Tattoo", com belos vocais de Roger. Roger, aliás, não era o único vocalista do grupo no disco. Roger só cantou três números no disco original - "Tattoo", "I Can See for Miles" e "Rael". Em "Armenia City in the Sky" dividiu os vocais com Keene. "Heinz Baked Beans", "Medac" e "Silas Stingy" são vocalizadas por John; "Odorono", "Our Love Was", "I Can't Reach You" e "Sunrise", por Pete e "Mary Anne with the Shaky Hand" e "Relax" são feitas por Pete e Roger.

Além disso, havia "I Can See for Miles", um dos mais brilhantes trabalhos de Keith Moon em sua carreira, pontuado a música, de maneira brilhante, com pratos.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Ao ser lançado em 16 de dezembro de 1967, o disco alcançou o 13º lugar no Reino Unido e apenas o 48º, na América, onde foi editado em 6 de janeiro de 1968. O LP surpreendia por não trazer o nome das faixas na contra-capa. As faixas do LP original eram:

Lado A:

1. "Armenia City in the Sky" (John Keen) – 3:12
* "Radio London"
2. "Heinz Baked Beans" (John Entwistle) – 0:57
* "More Music"
3. "Mary Anne with the Shaky Hand" – 2:04
* "Premier Drums"
* "Radio London" (Instrumental)
4. "Odorono" – 2:16
* "Radio London"
5. "Tattoo" – 2:42
* "Radio London" (Church of Your Choice)
6. "Our Love Was" – 3:07
* "Radio London" (Pussycat)
* "Speakeasy"
* "Rotosound Strings"
7. "I Can See for Miles" – 4:17

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Lado B:

* "Charles Atlas"
1. "I Can't Reach You" – 3:03
2. "Medac" (Entwistle) – 0:57
3. "Relax" – 2:38
* "Rotosound Strings"
4. "Silas Stingy" (Entwistle) – 3:04
5. "Sunrise" – 3:03
6. "Rael 1" – 5:44

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

2022/07/09


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

De Slayer até Bon Jovi, bandas de rock e heavy metal que fizeram mais de 2 mil shows

Antes do Led Zeppelin, Robert Plant tentou entrar em outra banda famosa

Beatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

The Who: O motivo pelo qual Pete Townshend achava "Pinball Wizard" horrível

Bob Dylan contou a Pete Townshend o motivo pelo qual ele não para de fazer shows

The Who: Pete Townshend e Roger Daltrey odiaram o Festival de Woodstock

A música do The Who que Pete Townshend odeia "mais que tudo no mundo"

Steve Harris sobre o The Who: "Amo absolutamente tudo que fizeram"

O álbum do The Who que Roger Daltrey achou "uma m*rda completa

O guitarrista que Pete Townshend (quase) contratou para o substituir no The Who

Peter Townshend faz grosseria com fã que pediu música durante show do The Who

Roger Daltrey, do The Who, sobre os shows de Jimi Hendrix: "Copiou Pete Townshend"

O conselho que Jimi Hendrix deu ao The Who para melhorar suas apresentações

The Who: Pete Townshend comenta os primeiros guitarristas que o influenciaram

John Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

Alice Cooper: chocado por Nita Strauss não saber nada sobre The Who

Hard Rock: as 25 melhores músicas acústicas do gênero

O álbum do The Who que Roger Daltrey achou "uma m*rda completa

Gibson: os 50 melhores covers da história do rock

Nirvana: Dave Grohl comenta sobre o funeral de Kurt Cobain


Sobre Cauê Del Valle

Desde 1994 na estrada! Paulistano, boêmio, estudante e agnóstico. Escrever sempre foi algo presente, escrever sobre música e grandes ídolos têm se tornado cada vez mais sua possivél profissão. Música? Sim, desde a trilha sonora daquele filme de infância até a que lembre um bom momento. Devoto de Janis Joplin, AC/DC, Johnny Cash e Motörhead, mas vamos acrescentar doses de Blues, R&B, Southern, Punk, N.W.O.B.H.M., Hard Rock, Thrash, Crossover, Progressivo, Country entre outras. Mais detalhes não posso dar, como diria Erasmo: "tenho que manter minha fama de mau." Mas ser surpreendido, ter bons amigos e Rock & Roll ao fundo, essa é a receita.

Mais matérias de Cauê Del Valle.