Girlie Hell : banda feminina de Hard/Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bullas Attekita, Fonte: Girlie Hell
Enviar correções  |  Comentários  | 


5000 acessosHeavy Metal Fail: os Trues também saem mal na foto5000 acessosDuff McKagan: "Nikki Sixx, do Motley Crue, é um gênio!"

Mulheres, vocais rasgados, riffs marcantes e muita distorção. Assim é a Girlie Hell, banda goiana, que chama atenção por onde passa, ao combinar peso, maturidade e atitude feminina. A banda existe desde 2007, mas foi em 2010 que se definiu, explorando o que havia de melhor nas integrantes. Bullas Attekita no vocal e guitarra solo, Júlia Stoppa na segunda guitarra, Fernanda Simmonds no baixo e Carol Pasquali na bateria, formam a banda, que apesar de jamais negar as origens, agora investe em um estilo mais pesado, aproximando mais o seu hard rock do metal, mas mantendo grandes influências de bandas clássicas como: Kiss, AC/DC, Girlschool e L7; sem deixar de lado as bandas atuais como: Foo Fighters, Danko Jones, The Donnas, Crucified Barbara e Kittie, entre outras.

"Get Hard", o 1º álbum da banda, bem elogiado por revistas e zines especializados de todo o País, foi lançado em abril de 2012 pelo selo Monstro Discos, com 11 faixas autorais, gravadas no Estúdio Rocklab, sob a produção de Gustavo Vazquez e Luis Maldonalle. Após o lançamento do álbum, a banda saiu em turnê por São Paulo e interior, bem como por BSB e outras localidades, tocando nos principais festivais, juntamente com bandas como: Raimundos, Dominatrix, Nervosa, BNegão e os Seletores de Frequência, Motorocker, Oitão, Hellsakura…

Em Agosto deste ano a banda fez o lançamento de seu 1º Videoclipe Oficial - música FIRE, sob a produção da Insana Produtora Independente (projeto da baixista Fernanda Simmonds), e dentro de uma seletiva de mais de 80 bandas, foi selecionada para tocar em um dos principais festivais de rock do País, o Porão do Rock em Brasília, com bandas altamente expressivas do rock mundial, como: Kyuss Lives (EUA), Sepultura, Red Fang (EUA), Motossierra (URU), Claustrofobia, DFC, entre outras.

Atualmente a Girlie Hell anunciou a "mini-tour" ao lado de uma das suas maiores referências musicais, a banda sueca CRUCIFIED BARBARA, que vem para o Brasil em novembro, divulgar o seu novo cd, com a tour "The Midnight Chase". A Girlie Hell foi escalada para abrir os shows da banda internacional em SP, BSB e Goiânia, tendo a honra de tocar com elas pela 1ª vez no 18º Goiânia Noise Festival.

Assim segue a Girlie Hell, trabalhando novas músicas, a produção de um novo videoclipe para o começo de 2013, e se preparando incansavelmente para representar bem o estado de Goiás, seja onde for.

Acompanhe as novidades da banda, a agenda de shows e as promoções… pelas redes sociais ou pelo site www.girliehell.com

Citações sobre o álbum "Get Hard":

"O grupo feminino de Goiânia chega com um hard rock bem consistente e convincente".
Jornalista Silvio Essinger - Jornal O Globo (RJ).

"... só faltava a Goiânia, uma bandaça feminina que honrasse sua predileção pelos sons sujos e crus. Pois eis que chega o primeiro disco cheio da Girlie Hell...".

Rubens Herbst - Jornal A Notícia, de Joinville (SC).

"Garotas com atitude, que cantam e tocam com muito talento. Fugindo dos estereótipos femininos, o quarteto formado por 4 garotas, abusa das guitarras envenenadas e das baterias precisas, somadas a um baixo pontual para fazer o bom e velho rock n roll com alta octanagem.
Bandas exclusivamente femininas são ou pop demais ou panfletárias ou ainda, se preocupam em fazer apenas o rock voar. Ainda bem que nesse caso as meninas do Girlie Hell além de fazer o rock decolar são boas musicistas, não apelam para truques baratos, nem tão pouco tentam emular outras bandas, são simplesmente elas mesmas, garotas que amam esse tal de rock n roll com belíssimas influências a bordo.
Faixas bem produzidas (logo se vê a mão do produtor Gustavo Vazquez) e que apontam para um caminho sólido e característico, influências boas, cuidado com a produção e músicas para empolgar!".

Luciano Vitor - Site Underfloripa (SC).

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Girlie Hell"

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Girlie Hell"

Heavy Metal FailHeavy Metal Fail
Os Trues também saem mal na foto

Motley CrueMotley Crue
Como a banda aperfeiçoou a arte de beber e se drogar

Legião UrbanaLegião Urbana
O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre

5000 acessosStairway to Heaven: o maior hit do Led Zeppelin5000 acessosGaleria - Tatuagens em homenagem a artistas e bandas - Parte 15000 acessosSlayer: fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda5000 acessosMetallica: Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década passada5000 acessosX-Factor Brasil 2016: cantora arrebenta com "Highway To Hell" do AC/DC!5000 acessosTankard: "Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a Heineken"

Sobre Bullas Attekita

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online