Resenha - 2nd Law - Muse

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - 2nd Law - Muse

Por José Cláudio Carvalho Reis

  | Comentários:

Ao contrário das "salvações do rock", que desaparecem na velocidade em que ascendem, o MUSE esbanja vigor a cada trabalho lançado. Em seu sexto álbum, não podia ser diferente!

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Imagem
Formado no distante 1994, o grupo britânico vem angariando fãs desde que SHOWBIZZ (seu disco de estreia) fora lançado, em 1999. De lá para cá, a banda vem colecionando um belo catálogo de canções, das quais destaco (cometendo a injustiça de citar uma só) KNIGHTS OF CYDONIA, uma obra-prima do rock moderno, presente no álbum BLACK HOLES AND REVELATIONS (de 2006).

Com o sucesso crescente culminando em THE RESISTANCE, de 2009, o MUSE se tornou o queridinho da Inglaterra, e uma das bandas mais bem-sucedidas na cena mundial da atualidade. Ao contrário de figuras forjadas, que aparecem aos borbotões (THE STROKES, alguém?), o trio composto por Matthew Bellamy (vocal, guitarra e piano); Christopher Wolstenholme (baixo, voz secundária e teclado) e Dominic Howard (bateria e percussão) galgou cada degrau à custa de seu talento; de fato irrefutável.

Em 2012, o MUSE meteu o pé na porta: SURVIVAL foi tema dos Jogos Olímpicos de Verão 2012. A canção trouxe a reboque um trailer do novo álbum, intitulado THE 2ND LAW. Com influência confessa de dubstep, o disco veio precedido de uma certa apreensão. Por mais que a banda seja variada em sua musicalidade, uma mudança tão radical não agradaria aos fãs.

Mas para o bem de todos, o MUSE sabe o que faz. E THE 2ND LAW é um disco ambicioso e sofisticado. O caldeirão de referências inclui QUEEN (em MADNESS) e um funk rock matador (PANIC STATION), que remete ao clássico SUPERSTITION, de STEVIE WONDER. Chris dá uma palhinha de seu potencial, como grande baixista que é. E ainda canta nas faixas SAVE ME e LIQUID STATION - assinando também a autoria de ambas.

Há momentos de calmaria; mais do que o habitual. Mas tal detalhe não depõe contra a obra. Apenas evidencia - mais uma vez - a musicalidade do trio. Ainda que haja uma salada de referências, o estilo do MUSE está lá, inconfundível como a voz de seu líder.

Caótico e inquieto, o MUSE vem crescendo e amadurecendo a cada obra lançada. Com THE 2DN LAW, eles não superaram "The Resistance". Mas provaram que não precisam fazer mais do mesmo. O material já está entre os melhores do ano, como já era de se esperar.

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Outras resenhas de 2nd Law - Muse

Muse: um disco que foge do marasmo
Muse: não precisa fazer o novo, mas sim, fazer música
Muse: mais orquestral e majestoso do que nunca


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs
Todas as matérias sobre "Muse"
Todas as matérias sobre "Queen"

Queen: algumas curiosidades sobre a banda
Capas de álbuns: versões Harry Potter de alguns clássicos
Queen: segundo May e Taylor, John Deacon evita contatos sociais
Freddie Mercury: Características vocais do cantor
Jeff Scott Soto: uma maravilhosa versão de Love of my Life
Jeff Scott Soto e Eric Martin: final de semana em Vinhedo e SP
Jeff Scott Soto e Eric Martin: Enchendo de alegria os fãs de Hard
Separados no nascimento: Halford, Mercury e Village People
Dewa 19: banda da Indonésia faz cover do Queen
Queen: banda anuncia tour com o vocalista Adam Lambert
Jeff Scott Soto: guitarrista brasileiro tocará com Queen Tribute
Queen: os 30 anos do bom "The Works"
Queen: nas capas da nova edição da Classic Rock Magazine
Adam Lambert: ouça cover de The Darkness para série Glee
Brian May: em defesa dos animais, criticando conduta da realeza

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre José Cláudio Carvalho Reis

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados.

Caso seja o autor, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas