Matérias Mais Lidas


A opinião de Ritchie Blackmore sobre Eddie Van Halen e sua técnica de tapping

Por André Garcia
Postado em 08 de outubro de 2022

Ritchie Blackmore é uma lenda viva da guitarra por conta de seu trabalho no Blackmore's Night e Rainbow, mas principalmente o Deep Purple. Formado por ele em 1968, fez sucesso na década seguinte com álbuns como "In Rock" (1970) e "Machine Head" (1972), ambos grandes influências para o surgimento do heavy metal.

Deep Purple - Mais Novidades

Foto: Divulgação - Spotify
Foto: Divulgação - Spotify
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

De uma lenda da guitarra para outra, Eddie Van Halen surgiu na segunda metade dos anos 70 com a banda que levava seu sobrenome. Seu acrobático uso de técnicas até então pouco difundidas foi revolucionário, e causou um impacto comparado ao provocado por Jimi Hendrix anos antes. Assim como Hendrix, depois de Van Halen tocar guitarra jamais foi a mesma coisa.

Conforme publicado pela Rock and Roll Garage, em entrevista de 1991 para a Guitar World, Ritchie Blackmore foi perguntado sobre Eddie Van Halen e a técnica de tapping — que, embora não tenha criado, difundiu pelo mundo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Guitar World: O que você acha de tapping?

Ritchie Blackmore: Graças a Deus aquilo passou. A primeira pessoa que vi fazer aquelas coisas foi Harvey Mandel, no Whisky A Go-Go, em 68. Eu fiquei pensando 'Que diabos ele está fazendo?' Foi muito engraçado [risos], Jim Morrison foi colocado para fora porque estava gritando insultos para a banda. Jimi Hendrix estava lá, nós estávamos todos bêbados. Então, quando Harvey Mandel começou a fazer aquilo [imita tapping]... 'O que ele está fazendo?', tudo mundo se perguntou. Até a plateia parou de dançar."

Guitar World: Obviamente, Eddie Van Halen deve ter assimilado alguma coisa daquilo. O que você acha dele?

Ritchie Blackmore: Depende do meu humor. Ele é provavelmente o músico mais influente dos últimos 15 anos, porque todo mundo foi comprar uma daquelas [guitarras de microafinação]. Todo mundo pirou com alavanca! Então ele obviamente deixou uma marca. Ele é um grande guitarrista. Mas eu fico mais impressionado com suas composições recentes, e seu trabalho no teclado. Eu acredito que ele será lembrado — ele pode ser o próximo Cole Porter.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Pouco após sua morte, em 2020, Eddie Van Halen foi exaltado por Blackmore como "o guitar hero definitivo".

"Eddie Van Halen foi um guitarrista brilhante que deu início a um estilo de tocar guitarra imitado por toda uma geração de guitarristas", disse ele à Classic Rock. "Ele foi um dos músicos mais agradáveis que eu conheci na indústria musical: muito tímido, e nada convencido com suas habilidades como guitarrista. Frank Zappa disse que [Eddie] reinventou a guitarra. Eu concordo! Ele infelizmente fará falta, mas seu legado brilhante será lembrado para sempre. O guitar hero definitivo."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.
Mais matérias de André Garcia.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS