Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemO clássico dos Rolling Stones que levou mais de 30 anos para ser tocado ao vivo

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemLuciano Hang processa vocal do Fresno e quer indenização de R$ 100 mil por danos morais

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemFreddie Mercury revelou em 1985 como foi conciliar carreira solo e o Queen

imagemSyd Barrett em 1967 analisando os principais singles lançados em julho

imagemDaniel Cavanagh, do Anathema, sobrevive a tentativa de suicídio


Stamp

Sepultura: Depois de anos, um encontro especial em Porto Alegre

Resenha - Sepultura (Bar Opinião, Porto Alegre, 16/10/2016)

Por Guilherme Dias
Em 28/10/16

Fotos por: Liny Oliveira
wwww.facebook.com/photoslinyoliveira

O Sepultura excursiona pelo Brasil e América Latina em comemoração aos seus 30 anos de estrada. Alguns anos longe da capital gaúcha fez com que o novo encontro fosse especial. O bar Opinião esteve lotado de headbangers que aproveitaram cada minuto do show.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Para o alívio do público, a apresentação de domingo iniciou cedo, por volta das 20 horas. A promessa era de clássicos absolutos e foi o que realmente ocorreu. A formação atual é a mesma desde 2011, contando com Andreas Kisser (guitarra/ vocais), Derrick Green (vocal/ percussão), Paulo Xisto (baixo) e o novato Eloy Casagrande (bateria). Logo no início "Troops of Doom" do primeiro álbum "Morbid Visions" de 1986. Em seguida "Kairos" e "Slave New World".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O Americano Derrick mencionou o longo tempo sem se apresentar em Porto Alegre e disse que era muito bom retornar. Apresentou "Breed Apart" do álbum "Roots" (1996), lançado há 20 anos, fazendo parte das comemorações de 30 anos.

Assim como Derrick, Andreas também conversou com o público, agradecendo a presença dos fãs, lembrando o lançamento do novo álbum para 2017. Do vindouro álbum, Kisser apresentou "I Am the Enemy", muito bem recebida por parte do público.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Nenhuma fase do grupo foi esquecida, fazendo parte do set-list as canções "Convicted in Life" ("Dante XXI", 2006), "Dialog" ("Kairos", 2011) e "Sepulnation" ("Nation", 2001). Derrick anunciou "Biotech Godzilla" do "Chaos A.D." (1993) que foi mesclada com "Polícia" dos Titãs.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Em tom de brincadeira, Kisser disse que tocariam Raul Seixas, mas logo desconversou dizendo "só que não". Ao anunciar "The Vacation", do último álbum, pediu para o público repetir o nome do disco rapidamente, mas não gostou muito da resposta e deixou para Derrick falar o longo nome "The Mediator Between Head and Hands Must Be the Heart" (2013).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após "Territory" ("Chaos A. D."), Derrick perguntou se o público estava feliz e disse que tocariam uma música "old thrash", sendo ela "Beneath the Remains" (1989). "Arise" e "Refuse/ Resist" foram as responsáveis por encerrar a primeira parte do show.

A primeira do bis foi "Under My Skin", em homenagem a todos os fãs, em especial àqueles que possuem tatuagens em alusão ao grupo. "Ratamahatta" com direito a dueto de Kisser (substituindo a voz de Carlinhos Brown) e Derrick, e "Roots Bloddy Roots" encerraram a ótima noite que o Sepultura proporcionou para os gaúchos.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

A comunicação entre os músicos e a plateia foi excelente. Plateia que cantou, gritou, vibrou e pulou muito, durante todo o show. A qualidade sonora e visual de um nível altíssimo. Os 30 anos de Sepultura representam muito para a cena do metal nacional. Se existe alguma coisa que qualquer headbanger mundo afora sabe sobre o Brasil, é que aqui nasceu o Sepultura. Os 30 anos é muita estrada, mas que venham muitos mais anos pela frente!

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Set-lis completo:
Troops of Doom
Kairos
Slave New World
Breed Apart
Desperate Cry
Dusted
I Am The Enemy
Convicted in Life
Dialog
Attitude
Biotech Is Godzilla / Polícia
Sepulnation
The Vatican
Territory
Beneath the Remains
Arise
Refuse/Resist

Sepultura Under My Skin
Ratamahatta
Roots Bloody Roots

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Comente: Esteve em algum show recente do Sepultura? O que achou?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Vocalista do BFMV diz que se tornou headbanger por causa do Metallica e do "Black Album"

Andreas Kisser: "Eloy Casagrande talvez não seja humano"



Sobre Guilherme Dias

Fanático por heavy metal e hard rock desde os 12 anos de idade. Coleciona CDs e LPs, principalmente do Helloween e seus derivados. Colabora com o site desde 2013. Nasceu em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul.

Mais matérias de Guilherme Dias.